InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Atenção deuses! Há um aviso no Staff Loungue para vocês, entrem e leiam.

Important: Seu avatar é registrado? Ainda não?! Evite levantes, corra aqui: [MENINOS | MENINAS].
EM REFORMA, AGUARDEM! Novidades virão, algo que já estava mais do que na hora, não acham?!

Compartilhe | 
 

 Treino de arquearia e armas à distância

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Thanatos
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 403
Data de inscrição : 03/05/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Treino de arquearia e armas à distância   Sab 08 Set 2012, 10:29

Relembrando a primeira mensagem :


Treino de arquearia


A arena é um local onde os campistas podem evoluir suas habilidades, treinarem com armas, lutarem entre si ou contra monstros. Assim como em todo lugar, a arena tem suas regras, as quais podem ser lidas aqui.

Não serão avaliados os treinos postados fora do horário permitido em on. Bom treino.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário

AutorMensagem
Louise V. Williams
Filhos de Poseidon
Filhos de Poseidon
avatar

Mensagens : 726
Data de inscrição : 24/09/2012
Idade : 21
Localização : Um Williams sempre paga suas dívidas.

Ficha do personagem
Vida:
130/130  (130/130)
Energia:
130/130  (130/130)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qua 13 Fev 2013, 15:14

sweet dreams are made of this.
Sweet dreams are made of these Who am I to disagree? Travel the world and the seven seas Everybody's looking for something Some of them want to use you Some of them wanna get used by you Some of them want to abuse you Some of them want to be abused I wanna use you And abuse you I wanna know what's inside Movin' on, movin' on Movin' on, movin' on Movin' on, movin' on Movin' on!


Horário: Treino matutino - 9:30 am ás 10:45 am.
Local: Arena - Arco e Flecha.

Havia acabado de despertar de um sono pesado, repleto de pesadelos sem sentidos e imagens aterrorizantes. Por apenas alguns segundos, algumas imagens de meu pesadelo passava-se em minha mente, trazendo um arrepio em minha espinha. Fechei os olhos, balançando a cabeça negativamente. Respirei fundo e tratei de cuidar da minha higiene pessoal. Depois de um longo banho gelado, vesti um shorts jeans, camisa laranja do Acampamento e All Stars azuis. Já estava cansada de usar aquela camisa, e pouco sabia o que me aconteceria se não usasse ela. Como qualquer Acampamento, aquele deveria ter suas regras. Notei alguns raios de sol iluminando o chalé, que encontrava-se escuro quando acordei. Era realmente cedo, e tinha certeza que tomaria um cochilo mais tarde. Não demorei-me muito para sair do chalé, um pouco animada demais para progredir com meus treinos diários.

O Acampamento já estava em rebuliço, os campistas encontravam-se seguindo a mesma rotina de sempre, treinos exaustivos e talvez missões perigosas. Segui para a Arena, ignorando a quantidade de campistas que encontravam-se ali, logo, chegara no lugar desejado. A Arena jazia vazia, acordara cedo demais, até para os outros campistas. No entanto, notei a presença de alguns campistas chegando depois de mim, não dava para não ter plateia ali. Um instrutor veio em minha direção, tinha o cabelo castanho ondulado e era de estatura média. Reconheci-o como filho de Hermes, já o notara na mesa do seu progenitor.

- Ora, o que procura, jovem campista?- Perguntou ele, debochado.

Decidira fazer algo diferente neste treino, aliás, não havia trazido minhas armas para a Arena e teria que lidar com as armas que tivessem ali.

- Arco e flecha, por favor.- Respondi, sem rodeios.

O instrutor assentiu positivamente, direcionando-me ao lado interno da Arena. Avistei alguns alvos e Arcos no qual poderia exercer minha função, alguns filhos de Apolo treinavam por ali, acertando o alvo com maestria. Ótimo, agora tinha plateia para meu fracasso. Dando alguns passos para trás, encontrei o arsenal da arena. Tinha um arco de madeira, assim como sua flechas que apenas eram feitas de ferro nas pontas. Segurei-as por um momento, tentando me acostumar com as tais armas. Não me simpatizei de primeira, a flecha quase escapou de meus dedos. Peguei uma aljava, na qual tinha mais flechas. Sabia que necessitaria delas para mais tentativas frustradas de acertar o alvo desejado. Dane-se, pensei comigo mesma. Criei mais coragem e ignorei os campistas que encontravam-se por ali, não pensava mais no fracasso e sim em quando acertaria o meu alvo.

Me direcionei á um alvo, eram apenas seis metros no qual a flecha poderia ser lançada. Encolhi os ombros, tentando arrumar minha postura, a deixando reta.

- Ótima postura. – Elogiou um instrutor loiro.

Não me virei para responder, tentando alinhar a flecha no arco ou o contrário.

- Deixe o arco mais firme, a flecha irá se adaptar a ele.- Disse novamente voz, como se fosse mais profissional .

Respirei fundo, segurando o arco com mais firmeza. Da forma que o campista havia dito, a flecha não escapou de meus dedos, e sim se adaptou ao arco.

- Ótimo. Direcione ao alvo e atire.- Instruiu o semi-deus.

Deixei meus instintos tomarem conta de meu corpo, que meus olhos focalizassem o meu alvo. ‘’Apenas seis metros, você consegue, Louise.’’, Pensei comigo mesma, tomando mais confiança. Direcionei a flecha para o alvo, atirando-a em seguida. A flecha disparou para o alvo, no qual, não fora acertado. A flecha havia desviado alguns centímetros, fazendo-me errar o alvo. Merda. Balancei a cabeça negativamente, fechando os olhos por apenas alguns segundos. Mais uma vez. Peguei mais uma flecha, alinhando-a com o arco. Desta vez, relaxei os músculos do meu corpo, respirando com mais profundidade.

Força. Mordi o lábio inferior, fechando os olhos e os abrindo no mesmo instante. Eu consigo. Deixei meus pensamentos em branco, deixando apenas o meu objetivo em mente, acertar o alvo. Deixei que meus dedos deslizassem da flecha, sentindo a madeira deslizar por meus dedos. O arco tremeu por um momento, com o movimento que havia feito. Não vi o resultado, fechei os olhos e retornei a respirar. Os abri de novo, avistando o meu alvo. No entanto, havia uma coisa diferente nele, uma flecha acertada bem no alvo.

Poderia ter pulado, festejado ou gritado. Mas a insanidade ainda não pertencia á minha mente, avistei um instrutor loiro há apenas alguns metros de mim, aparentando estar satisfeito com o meu resultado. Não iria tentar mais uma vez, terminaria por ali, aliás, meu objetivo já havia sido conseguido. Guardei o arco, com a aljava com algumas flechas que restaram. Não agradeci o instrutor, apenas abri um sorriso triunfante em meus lábios. Em seguida, direcionei-me ao refeitório, pronta para o café da manhã.


Armas&Itens utilizados:
 



• tagged: Louise, Intrutor.
• clothes: Nops.
• notes: Treino de Arco e Flecha.
• credits: baby doll at ♥ etvdf!

____

I am confused, fighting myself Wanting to give in, needing your help. Outside I don't know you, but inside I'm fucked.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 187
Data de inscrição : 04/01/2013
Idade : 20
Localização : Casa Grande

Ficha do personagem
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qua 13 Fev 2013, 18:08

♦Hora da Avaliação!♦




♦ Ortografia: 9/10

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 25/30

♦ Organização da Postagem: 10/10

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 9/10

♦ Capacidade Descritiva: 20/25



Experiência total obtida - 88xp


ATUALIZADO !

Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics

____

Dionísio
Senhor para você • Deus do Vinho • Deus da Loucura • Deus da orgia e prazeres carnais •Thanks Larissa Sant @ Sugar Avatars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucy M. Davenport
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 59
Data de inscrição : 25/08/2012
Idade : 20
Localização : BUUUUUUU!

Ficha do personagem
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qui 14 Fev 2013, 14:30


{
}
Stand up
You've got to manage
I won't sympathize
Anymore
Hit the target!


Treino Matutino ~ 10: 00 ás 11:30~
~ Treino de Arquearia a distância~

A prole de Hades jazia em sua beliche no chalé do deus do submundo, já estava acordada e pronta para exercer o seu treino. Era início de tarde, e fazia apenas alguns minutos que Lucy havia voltado do refeitório, para seu almoço. Como qualquer campista, tinha que respeitar o horário alimentação. A semi-deusa trajava a camisa laranja do acampamento, jenas escuros, rasgados nos joelhos acompanhados de coturno preto. Estava tudo pronto para que a garota pudesse ir a arena. O dia era nublado, com o céu repleto de nuvens e uma neblina branca que impedia que o acampamento fosse visto de longe. Lucy sentia-se como um mortal que não enxergava através da névoa. Em apenas alguns minutos, a filha de Hades caminhava em direção a arena, sem carregar arma alguma. Já estava decidida do treino que faria. Logo, a prole de Hades encontrava-se na Arena.

A filha de Hades deu conta de seu novo desafio, nunca havia treino sua pontaria, e agora chegara sua vez. Lucy empunhou um arco e uma aljava com flechas, assim, já brincando com uma flecha em mãos. A prole do deus do submundo decidira ignorar os outros campistas presentes, eram, na maioria, filhos de Apolo. Não era difícil saber que tinham maestria usando tal arma, e seria vergonhoso para a filha de Hades, ter plateia caso não acertasse seu alvo. Lucy arrumou sua postura, dirigindo-se á um alvo. Era apenas cinco metros do alvo desejado, a semi-deusa arriou os ombros, controlando sua respiração tensa. A semi-deusa respirou fundo, observando com extrema concentração o alvo. Nunca havia treinado com aquele tipo de arma, tinha alguma experiência com dardos, e esperava que isso fosse lhe ajudar. Lucy ergueu seu arco, alinhando sua flecha a ele. A jovem não gostava da ajuda dos instrutores, mesmo que lhe fosse preciso. Lucy não era muito social, e muito menos queria criar amizades por ali. Era sozinha, e gostava da solidão. Com as mãos firmes, direcionou a flecha para o alvo, alinhando-a com precisão. Era a primeira tentativa, era evidente que erraria. Quem sabe sorte de principiante? A filha do deus do submundo duvidava disso, pronta para atirar a primeira flecha.

Os dedos da semi-deusa soltaram a flecha que disparou em direção a tabela. O alvo? Não fora acertado. Apenas alguns centímetros do ponto vermelho, Lucy não concluiu seu objetivo. Seu orgulho não fora afetado, a filha de Hades empunhou outra flecha em mãos, novamente, pondo-se em uma pose mais trabalhada. Seu pé esquerdo estava alguns centímetros para trás, desta vez, ergueu seu arco para cima, acompanhada com a flecha. Era a pose perfeita, considerada por Lucy. A filha deHades encontrava-se mais atenta, sua respiração era controlada e solene. Nada fora pensado, Lucy deixou que seus instintos fossem guiados por ela. Os dedos da jovem liberaram a flecha, que com uma velocidade incrível, acertou o ponto vermelho que estava no centro. Satisfeita com o resultado, Lucy pegou mais uma flecha de madeira, alinhando-a no arco e simplesmente a libertando para ser lançada ao alvo novamente. A filha de Hades finalmente aprendera a usar a arma, que conjunta a seu instinto, teve o resultado que Lucy desejava. A semi-deusa não demonstrou qualquer reação de ‘’felicidade’’, apenas deixou o restante das flechas, arco e aljava no arsenal da arena.

Em poucos minutos, Lucy voltou a caminhar novamente para o seu chalé, pronta para retornar a sua rotina tediosa.

Armas&Itens usados:
 

clothes: Non ~ Thanks, Baby Doll at etvdf!

____

Watch it drop, because I'm in the top
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
DeeDee M. Harker
Filhos de Hefesto
Filhos de Hefesto
avatar

Mensagens : 4
Data de inscrição : 02/03/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 03 Mar 2013, 17:01

DON'T PANIC!,
It's all the same, only the names will change Everyday it seems we're wasting away Another place where the faces are so cold I'd drive all night just to get back home - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

O sol enchia todos os mínimos cantos do acampamento e não havia um lugar sem crianças ou adolescentes correndo com armas perigosas na mão dentro de um país conhecido por sua preocupação com o bem estar e a segurança de sua população.

E bem nesse acampamento alguém saia de sua toca obrigada por um adulto desconhecido dos mais novos campistas; Ele a arrastava até a arena de treinos onde iria ocorrer uma espécie de aula coletiva que os filhos de Apolo ofereciam semanalmente e que era organizado pelos filhos de Atenas, o que justificava o uso de listas para controlar o Arsenal e a quantidade de alunos permitidos. Normalmente não há fila de espera.

- DeeDee Marvell – Falou Charles, o adulto que a havia obrigado participar daquela aula, para uma criança de no máximo dez anos, filho de Morfeus, na porta do Arsenal.

A criança olhou em uma folha de caderno velha e explodiu uma bola de chiclete sem emoção - Não há nenhuma DeeDee aqui. –

- Que peninha Charles! Eu não estou inscrita. Posso voltar? – DeeDee cruzou os braços e respondeu com a mesma emoção que o filho de Morfeus, praticamente zero. Ironicamente, esse dado [praticamente zero] era a vontade de Charles deixar ela sozinha em uma forja durante uma manhã inteira; E foi só ele desferir poucas palavras para que ela logo estivesse com um arco sem cupim e flechas com ponta enferrujadas de criar tétano até mesmo no Sr. D. em uma roda de instrutores e alunos.

- Vamos lá! Hora de alongar antes de matarmos o nosso Bob! – Disse alegremente um dos filhos de Apolo. Ela só revirou os olhos e começou o imitar, estava cedo de mais para DeeDee esboçasse alguma reação.

Estica de lá, puxa de cá. Aquilo era extremamente vergonhoso; Quando que, em uma batalha, ela teria tempo de falar “Ôh, espera aí que antes tenho de me alongar.” ? Jamais! Mas para sua sorte os movimentos eram basicamente para os braços e as mãos, sendo que nenhum deles eram, de fato, posições horrendas. Alguns eram fáceis, como os que se davam socos no ar enquanto se pula e outros eram complicados – Ao menos para ela - como puxar o braço para trás até ouvir um estalo (Nessa parte, um dos “alunos” teve de se retirar).

Minutos depois cada um foi até sua marcação e respectivamente ao seu alvo, de acordo com um número que receberam. O de DeeDee era o que tinha a distância mais curta, portanto, um número menor, não que isso importasse, ela só queria ir embora dali o mais rápido possível. “ Ao menos, se eu errar uma flecha e acertar alguém vai ter alguma emoção” Pensou com um estranho sorriso nos lábios.

- Em suas marcas! Preparar! – Gritou uma voz qualquer; ela arrumou a primeira flecha no arco rapidamente, sem nenhum cuidado, seguindo apenas um raciocínio: A parte pontuda vai à frente.


- FOGO! - Soltou a corda e sua flecha caiu no chão sem ao menos voar um centímetro; Revirou os olhos e olhou para os lados a procura de alguém que pudesse a ajudar. Não demorou muito para um dos “professores” aparecesse.

- Olá! Sou Josh, precisa de ajuda? – DeeDee levantou uma sobrancelha. Faça-me o favor! Pensou, me sinto em uma companhia Aérea. Só falta me perguntar: Aceita uma balinha?.. Eliminou os pensamentos maldosos de sua mente e apontou com uma das mãos, onde estava segurando o arco. - Explica-me! – Seu tom de voz demonstrava sua experiência com arcos: praticamente nenhuma. Aquilo arrancou um sorriso brilhante de Josh. - Bem...Como você fez? Digo, na última vez? –

– Assim. – Sem muita vontade ela voltou à posição inicial, ainda mais sem jeito do que da primeira vez arrancando algumas risadas de Josh.

- E o seguinte. Vira-se para o alvo. – Ela o obedeceu e virou-se “mirando” para o boneco de teste na mesma posição anterior: Os pés juntos e duros, os braços pouco flexionados e a corta totalmente bamba enquanto seus dedos seguravam a flecha de modo que ela não se encostasse na flecha.

- Aí está o problema! - Josh disse se abaixando – Você não está na posição correta. - Ele puxou o tornozelo dela com delicadeza, o que ocasionou em um frisson e uma sensação de instabilidade, como se fosse cair a qualquer momento.

– Você está louco?! - Gritou assim que a mão dele atingiu o segundo tornozelo, não obteve nada de resposta além de outra risada rouca.

- Pronto. Agora, seus braços. – Disse o garoto sorridente se levantando e a abraçando por trás de modo de pegar delicadamente nos braços dela e guiando até a posição correta, flexionando um pouco os braços dela, para que no fim chegasse às mãos de DeeDee e as apertassem contra o arco como se falasse “segure bem firme”. Ela deu um olhar que queria dizer “Cai fora”, mas por algum motivo estava gostando daquela sensação.

- Ótimo. – Ele disse baixo perto dos ouvidos dela - Agora, já aprendeu qual é o seu olho diretor? – Ela fez que sim com a cabeça – Quero que só deixe ele aberto. Isso, agora se concentre. – [/i] [/color]Novamente, acenou com a cabeça e puxou a corda com delicadeza enquanto ele se afastava um pouco – E solt.. – Antes que Josh terminasse a frase ela soltou a corda fazendo com que a flecha saísse voando em movimentos maleáveis até atingir o alvo.

A flecha havia entrado no pescoço do boneco, no limiar entre 10 e 8 pontos. – Eu. Consegui. – Falou pausadamente e quase em um sussurro; Ela nunca foi boa com nenhuma arma que pedisse mira ou grande concentração mesmo sabendo que poderia construir todas elas com um pouco de experiência e vontade; E aquilo, sua vitória, mesmo que tão pequena se comparada com as dos outros, era algo extremamente grande para ela, como se tivesse descoberto a pólvora.

- Parabéns! – Escutou a voz feliz do filho de Apolo atrás de si que brincava de espetar as costas dela com a parte de trás de uma flecha – Vamos lá Huntress, mais uma vez!...

diretrizes:
 
#001 • 1007 WORDS• TREINO•


TEMPLATE CODED BY LOUISE OF CAUTION



____

Hit me with your best Shot! | Autônomo Saltitante
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mnemósine
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 384
Data de inscrição : 23/04/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 03 Mar 2013, 17:44

Lucy M. Davenport

♦ Ortografia
- 8 pontos

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias - 10 pontos

♦ Organização da Postagem - 10 pontos

♦ Uso Adequado de Linguagem - 15 pontos

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes - 10 pontos

♦ Capacidade Descritiva - 17 pontos

Total = 70

Nada grave em gramática, apenas alguns erros que poderiam ser evitados com a revisão, decorrentes provavelmente pela difitação. Organização boa, e a linguagem peca um pouco apenas ao repetir alguns termos - usar muito o "semideusas" por exemplo, quando poderia substituir faculmente pelo pronome... o conteúdo deixou um pouco a desejar - atirar 3 flechas é um treino? Além disso, acerta logo na segunda e terceira vez, mesmo sem ter experiência e diz que já aprendeu a usar a arma. Acabou se colocando em um patamar alto demais em um habilidade que não possuiu. O treino de arquearia é um dos que mais exigem do player, por isso admiro o esforço, mas tente citar mais o trabalho que ela teve - errar o alvo mais vezes, ou acertar mais longe do centro, aumentar a distância, manusear errado. Como corrigir sua postura se você não possuiu a arma, não é familiarizada e não tem um instrutor? Tenha isso em mente no futuro. Além disso, diga no texto que pegou a arma no arsenal. Deixa mais coerente - não precisa descrever tudo que fez como se tivesse ido até lá, apenas cite de alguma forma.

♦ Avaliado e atualizado ♦

DeeDee M. Harker

♦ Ortografia
- 9 pontos

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias - 30 pontos

♦ Organização da Postagem - 10 pontos

♦ Uso Adequado de Linguagem - 15 pontos

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes - 10 pontos

♦ Capacidade Descritiva - 23 pontos

Total = 97

Nada grave em gramática, apenas alguns erros, decorrentes provavelmente pela difitação [apesar do aviso, ainda necessitamos avaliar]. Boa organização e uso da linguagem. A coerência foi preservada, ao narrar o auxílio - a impressão que dá é que ela só acetou porque estava acompanhada do instrutor, sendo mais uma coadjuvante do sucesso do que sua autora. Muito bom para uma personagem sem experiência com a arma. A posição foi bem descrita, mas poderia ter sido mais detalhada, em relação aos pés - cita que ela achou que perderia o equilíbrio, mas não deixa clara a posição final, bem como a distância do alvo, que seria um dado relevante. No máis, ótimo treino!

♦ Avaliado e atualizado ♦


____

A.k.a.:
 


“Um povo sem memória é um povo sem história. E um povo sem história está fadado a cometer, no presente e no futuro, os mesmos erros do passado”.
(Emília Viotti da Costa, historiadora)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Selly Wittels. Chthon
Filhos de Dioniso
Filhos de Dioniso
avatar

Mensagens : 18
Data de inscrição : 15/03/2013
Idade : 19
Localização : Por aí q

Ficha do personagem
Vida:
105/105  (105/105)
Energia:
105/105  (105/105)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qua 20 Mar 2013, 14:29



-Look at the stars, look how they shine for you... - Esse era o único som que se ouvia àquela hora da manhã; a música favorita de Sellena. Era cantarolada pela filha do deus do vinho, baixinho, enquanto ia em direção ao campo de arco e flecha. Era um domingo de manhã, cedo; ela acordara àquela hora, que não era eu horário habitual, para treinar, sozinha. Estava cansada daquele monte de meio-irmãos a sua volta; sempre fora sociável, sim, mas amava e prezava os momentos de solidão que lhe eram dados. Mas aquilo parecia não existir por ali; a solidão, o silêncio. Todo o local estava sempre apinhado de adolescentes agitados - não que ela mesma não fosse aquilo, claro. Os únicos momentos que tinha para si era os domingos de manhã. E ela aproveitava do melhor jeito esse tempo. Hoje, iria treinar um pouco com o arco; Quíron - o centauro que há anos treinava heróis - comentou que não adianta ser boa lutando, a garota tinha era que expandir os seus conhecimentos. Saber manusear um arco, usar uma faca e lutar com espada, num combate corpo a corpo. Os três conhecimentos eram indispensáveis, e só sabendo ambos poderia sobreviver em missões. Selly levava um arco emprestado - ainda não tinha dracmas o suficiente para comprar seus equipamentos próprios - e uma aljava cheia de flechas às costas. Deparou-se com um terreno vazio ao chegar no lugar em que os treinos ocorriam. Era de se esperar já; afinal, que semideus treinava às seis e meia da manhã?

A filha de Dionísio parou à uns sete metros do primeiro alvo. Queria se desafiar, mas não poderia fazer tal coisa assim, de pronto, pois nunca havia nem sequer tocado num arco direito. Sabia como segurá-lo - Quíron a ensinara - mas não passava disso. Posicionou a primeira flecha no arco, e respirou fundo. Segurava-a bem para quem não sabia usar tal arma. Soltou a corda com rapidez demais, e a flecha caiu no chão, ao seus pés. Mais três tentativas depois dessa se seguiram; uma outra flecha caiu ao lado de seus pés, outra quase a acertou, uma errou o alvo por pouco e a outra acertou um tronco torto de uma árvore, acordando um esquilo mal humorado. Selly deu uma pausa, e foi, irritada, sentar-se logo abaixo de uma enorme árvore, que serviria-lhe para fazer sombra. Ela não esperava muito de si mesmo, mas não esperava ser tão ruim assim. Juntou os joelhos ao corpo e enterrou o rosto nos mesmos. "Mas que droga, Sellena", a garota se repreendeu. Respirou fundo, e controlou as emoções. Quando sentiu algo tocando seu ombro, se assustou. Ergueu o olhar, e deu de cara com um garoto loiro, um pouco bronzeado e de olhos castanhos parados ao seu lado. A garota encarou-o, irritada. -O que você quer?- Perguntou, pouco paciente. O garoto sorriu e balançou a cabeça, levantando-se e oferecendo uma mão para Selly fazer o mesmo. A garota hesitou, mas aceitou a ajuda, ainda o encarando, desconfiada. Ouviu uma risadinha nasal baixa, e o encarou. -Para de rir de mim! - A filha de Dionísio disse, irritada. Ele riu de novo. -Não estou rindo de você. Estou rindo com você. Você devia estar rindo, não levando tudo tão a sério assim. Notou o quanto está sendo ridícula? É normal não acertar o alvo de primeira.- Ele diz, e pega o arco jogado no chão. Coloca uma flecha nele, e o entrega para Selly. Ela dá de ombros, pensando no que ele falou. Ele a havia visto tentando treinar? Devia tê-la achado ridícula mesmo. E aquilo a irritava. Pega o arco com rispidez quando ele lhe oferece, e fecha a cara. Ele dá de ombros e ri de novo. -Eu posso te ajudar, sabia? Filho de Apolo. Tenho "o dom". - Ele comentou, brincalhão. Sellena permitiu-se um sorriso fraco, nada mais. Ele então fica atrás dela, e a mostra como fazer para atirar no alvo. Ela errara na primeira, mas depois passara a acertar o alvo. Cada vez que ela acertava, o garoto exclamava algo como "bom trabalho!" ou "mais um pouco e está melhor que eu!". Quando ela errava, ele juntava a flecha e dizia "vamos de novo". Era persistente, e no fim, ajudou muito a garota.

Eram nove horas quando Selly notou que ele havia ido embora. Estava tão feliz acetando o alvo que não notou que ele a tinha deixado. Ela já conseguia acetar à dez metros de distância, tudo graças ao "filho de Apolo sem nome". Quando ouviu a corneta que indicava o início do café da manhã tocando, foi que percebeu o tempo passado, e foi correndo para o seu chalé, lembrando-se de que, na próxima vez que o visse, iria agradecer por tudo.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 187
Data de inscrição : 04/01/2013
Idade : 20
Localização : Casa Grande

Ficha do personagem
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qui 21 Mar 2013, 20:07

♦Selly Wittels. Chthon♦



♦ Ortografia: 8/10 pontos: No todo, poucos erros de português, nem sempre o world está certo e o "àquela" não se usa mais, vírgulas isso sim é um problema para você, use-a com mais moderação e substitua alguma spor pontos e parágrafos.

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 28/30 pontos: Muito boa aqui, super coerente e organização excelente. Mas cuidados na hora de organizar as ideias, para não complicar a leitura e prejudicar o leitor.

♦ Organização da Postagem: 9/10 pontos: O post em si foi organizado, apenas acho que a disposição de páragrafos fora precária. Da próxima, lembre-se de usar uma tática: Assunto diferente? Parágrafo diferente!

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Tudo perfeito por aqui.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos: Seu treino foi nota 10... Ok, isso foi irônico. Conseguiu narrar com loucou o primeiro treino de alguém que nunca havia treinado com um arco. Continue assim.

♦ Capacidade Descritiva: 23/25 pontos: Você descreveu bem, e só teve um deslize quanto a descrição dos alvos, tipo do arco e etc... Pode ser besteira, mas isso deixa sua narração rica e bem entendida. Da próxima, acredito na sua capacidade de gabaritar isso aqui!

Experiência obtida em post: 93xp

Observação: Ok, muito bom. Treino rápido mas nem por isso fraco. Prova de que os melhores perfumes estão nos menores fracos, continue assim, analise bem as críticas porquê são com essas que você irá melhorando gradativamente.
Atualizado!



Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics

____

Dionísio
Senhor para você • Deus do Vinho • Deus da Loucura • Deus da orgia e prazeres carnais •Thanks Larissa Sant @ Sugar Avatars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qui 21 Mar 2013, 22:34

Treino de Arco e Flecha *u*

Eu não treinava há muito tempo, com os recentes ataques e as mortes de campistas pelo acampamento eu evitava ficar no mesmo lugar por muito tempo.

Alguns dos mortos haviam sido campistas experientes e sua morte me deixava extremamente preocupado, afinal, por mais que eu fosse um filho de Hécate eu ainda não era forte, ao menos não o suficiente para enfrentá-los e sobreviver.

Eis que nosso acampamento estava sendo atacado por titãs, e eu esperava que alguém fosse capaz de derrotá-los, mas infelizmente eu não podia fazer nada a respeito, pois ainda era fraco e seria derrotado facilmente.

Por esse motivo decidi voltar a treinar, assim eu poderia proteger pessoas importantes para mim e até eu mesmo, que não ficasse forte o suficiente para manda-los para o tártaro eu esperava ficar forte o suficiente para conseguir escapar de seus ataques.

Quando abri a porta do chalé senti um arrepio, o lugar estava praticamente deserto, e não conseguia ouvir nem sequer a musica dos sátiros que deviam também estar assustados com a coisa toda, isso me fazia pensar, talvez eu devesse ir para o submundo passar algum tempo com meu pai e sua mulher, assim talvez eu conseguisse me livrar dos titãs, mas claro que isso não era algo que eu pudesse fazer, afinal, eu tinha alguns amigos que não queria abandonar, e não podia leva-los comigo.

Eu estava usando a roupa tipica de exercícios e mesmo com a pretensão de treinar arco e flecha levei por segurança minha espada de ferro estígio que havia ganho de meu pai, mas ela estava transformada em uma simples adaga para ataques a pequena distancia.

Tomei certo folego e desci silenciosa até a arena esperando não ser seguida, eu não confiava em ninguém, principalmente após o inicio dos ataques, pois era mais que obvio que algum campista os ajudava.

Entrei na arena e quase tive um ataque do coração ao encontrar vários filhos de Ares treinando, não que isso fosse incomum, mas eu esperava que eles também estivessem escondidos, seus olhares não foram nada receptivos e imaginei que também suspeitassem de um campista, e provavelmente seria de alguém como eu, filho de Hécate.

Deixei minha adaga bem visível para que eles não tentassem nada e me encaminhei para onde guardavam os arcos e flechas, como sempre, peguei um arco e uma aljava colocando-a nas costas e andando até ficar de frente com um alvo livre, o clima na arena estava bastante pesado, mas não parecia ser apenas por eu estar lá, e sim por causa da morte dos outros campistas, eu não fazia ideia se um filho de Ares havia morrido, mas provavelmente algum deles havia perdido um amigo.

Respirei fundo e voltei meu olhar para o alvo, eu sabia que devia estar pior que antes por causa da falta de pratica, posicionei meu corpo como havia feito no ultimo treino, perna esquerda pra frente meio arqueada, e peguei a primeira das dez flechas, apontei-a para o alvo e respirei fundo, soltei a flecha junto com o ar e a vi acertar a parte branca.

Pelo visto apesar de ter parado de praticar, eu ainda conseguia acertar a parte branca do alvo, o que já era um começo, peguei a segunda flecha e a apontei para o alvo, fechei um dos olhos e tentei ver o caminho que seria traçado pela flecha, era meio complicado ver, mas decidi tentar, aparentemente eu estava mirando entre o vermelho e o preto, mas eu tinha certeza que não acertaria o vermelho, ao menos, ainda, eu não estava preparada para isso.

Puxei o ar novamente e soltei a flecha o mais rápido que pude, ela foi como um raio até o alvo e conseguiu atingir a divisa do branco e do preto, era um começo, e dessa vez eu tentaria fazer melhor, peguei a terceira flecha e a lancei, novamente na divisa.

A quarta, quinta e sexta flecha fizeram o mesmo percurso e acertaram a divisa, nada que eu não pudesse resolver se tivesse mais calma e me concentrasse mais, infelizmente eu estava extremamente tensa, tinha medo que alguém tentasse nos atacar, afinal, apesar de sermos no mínimo dez, éramos todos despreparados, ao menos, eu era.

Voltei a pegar a sétima flecha e mira-la, respirei fundo e mirei-a, dessa vez a lançando com mais controle, a flecha passou rápido pela extensão do lugar e acertou um pedaço da parte preta, abri um sorriso e tentei não comemorar muito para que não me olhassem feio e fiquei feliz por conseguir acertar o preto, por mais que tenha quase sido na divisa novamente.

Com as mãos tremendo de felicidade peguei a oitava flecha e mirei, antes de solta-la respirei fundo até me acalmar, e não pude deixar de ficar contente por acertar novamente a parte preta, pra mim isso era incrível e eu estava muito feliz.

Ao pegar a flecha nove e coloca-la no arco algo aconteceu, a corda que pendia no arco arrebentou e acertou meu olho, senti uma dor aguda e escutei alguns risinhos que me deixaram corada, ao abrir o olho vi meio embaçado, eu sabia que teria de descansar para poder treinar de novo, e devia passar na enfermaria para melhorar rápido.

Coloquei o arco no lugar e as flechas restantes e peguei minha adaga, sai da arena o mais silenciosamente possível que consegui e fui em direção a enfermaria para pegar no mínimo uma bolsa de gelo.


Filho De Hécate *u*


@CG

Voltar ao Topo Ir em baixo
Thanatos
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 403
Data de inscrição : 03/05/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sex 22 Mar 2013, 01:18

N Avaliação N


Ortografia - 8/10

Coerência , coesão e organização e conteúdo e idéias - 20/30

Organização do post - 10/10

Uso adequado de linguagem - 15/15

Estratégia e Uso de Armas, Habilidades e Poderes - 7/10

Capacidade descritiva 17/25


TOTAL=77xp


ATUALIZADO.

Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Louise V. Williams
Filhos de Poseidon
Filhos de Poseidon
avatar

Mensagens : 726
Data de inscrição : 24/09/2012
Idade : 21
Localização : Um Williams sempre paga suas dívidas.

Ficha do personagem
Vida:
130/130  (130/130)
Energia:
130/130  (130/130)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sex 22 Mar 2013, 17:30

Treino de arco e flecha!


Jazia entorpecida em no chalé de Poseidon, era começo de tarde e fazia pouco tempo que havia voltado do refeitório. Poseidon havia voltado a ativa, em pouco tempo, mais três irmãos apareceram. Não tive tempo se quer para falar com eles, de tão agitada a rotina do acampamento. Acho que era a filha mais preguiçosa de meu pai, passava horas na praia ou deitada no beliche. A solidão era contínua e não era uma pessoa muito amistosa para fazer novos amigos. Teria que pensar nisso mais tarde, depois de alguns dias, estava perdendo o manejo de treinar, que era mais que minha obrigação neste lugar, e por diversas vezes fora cobrada pelo centauro, Quíron. E com um longo suspiro, descia a escada da beliche, á procura de meus pertences. Invés da calça do pijama que usava, troquei por um short rasgado e All Stars pretos, gastos por minha longas caminhadas na praia. Deixei minhas armas de lado, não iria treinar em combate com campistas ou monstros, teria que recomeçar com algo leve e que gostara da última vez. Arco e flecha.

Com determinação, direcionei-me até a saída do chalé, espreguiçando os braços. O sol irradiava no céu azul claro e limpo de nuvens. Era um belo dia no acampamento meio sangue, e agora, iria apreciá-lo da pior maneira possível. Em passos largos e agitados, caminhava em direção a arena, que não era tão distante dos chalés. Alguns campistas pareciam surpresos ao me ver por ali, e não poderia culpá-los. Ignorei-os como sempre, e para ser sincera, fazia isso com a maioria das pessoas. Em poucos minutos, encontrava-me diante da arena. Semi-deuses e monstros lutavam entre si, sem contar com as a armada de desafios que armavam para nós, semi-deuses. Não pensava em um futuro diferente, apenas nos dias que passava aqui. Não me via adulta, com filhos ou casada, esses pensamentos são arrancados de você, desde o momento que se descobre que é filho de um deus olimpiano.

Direcionei para a área de armas a distância, onde havia um arsenal: arcos, flechas e aljavas. Tudo que precisava para exercer meu treino. Coloquei uma aljava nas costas, um arco em mãos e um estoque de flechas. Da última vez, conseguira acertar meu alvo, minha aptidão haveria melhorado? Bem, chegara a hora de descobrir. Avancei para a série de alvos, posicionando meu arco ao ser interrompida por um instrutor. Que ao me parecia, ser filho de Apolo, pelos cabelos loiros, o bronzeado e a musculatura.

- Quer ajuda, novata?- Ele me pareceu sarcástico. Minha expressão era impassível, e não estava afim de brincadeiras infantis.- Não, obrigada. E se me der licença, quero que mantenha distancia de mim.- O semi-deus se afastou, erguendo as mãos e se dirigiu a outro campista. Respirei fundo e mantinha total atenção no meu alvo, que era há 5 metros de onde estava. Alinhei a flecha em meu arco, deixando meus dedos firmes para que pudesse deixá-la reta. O ponto vermelho estava na mira, a hora era agora. Soltei meus dedos de uma vez só, permitindo que a flecha fosse lançada. Resultado: Acertei cinco centímetros acima do que desejava. Bufei e peguei outra flecha, alinhando-a da mesma forma no arco. Deixei que meus sentidos tomassem conta de minhas ações, que meus instintos de semi-deusa cuidassem para que não errasse novamente.

Meus dedos pendiam na flecha, tomando conta para que não escapasse. E não como da outra vez, o alvo tomou conta de minha visão, como se fosse meu único objetivo que teria que conquistar. Alinhei minha posição de meu corpo, deixando meu pé direito a frente do outro. Dei impulso na flecha, que tomou liberdade em direção ao alvo. Sucesso! A flecha acertou o meio do alvo, o ponto vermelho. Não pude conter o sorriso que cresceu me meus lábios, mas não deixaria acabar ali. Peguei mais uma flecha em mãos e a posicionei na aljava. Minha expressão voltou a ser fechada como antes, com total atenção. Meu corpo mantinha a mesma pose, que conquistara meu último alvo. Lancei-a contra o alvo, acertando apenas alguns centímetros ao lado. Minha sorte havia acabado.

Não deixei me abalar com meu fracasso, afinal, só estou exercendo um treino e não em uma batalha na qual o destino de pessoas estavam em minhas mãos, como se tivesse toda essa importância para alguém. Já era minha terceira flecha, e estava pronta para aquele desafio. Deixei meus dedos se soltarem naturalmente, e admirar a flecha que percorreu o ar alcançar um dos alvos. Faltando apenas três centímetros para o centro, como esperado, minha flecha percorreu apenas acima do alvo. A quarta, quinta e sexta flecha tiveram os mesmo destino, alguns centímetro a mais ou a menos, e não havia acertado alvo novamente. Depois de um sucesso vinha o fracasso?

Talvez sete fosse meu número da sorte, peguei a sétima flecha que era a penúltima do meu estoque. E mais do que as outras tentativas, tomei atenção precisa para o alinhamento. Minha respiração era controlada e baixa, soltei o ar que tinha em minha boca, prendendo minha respiração. Soltei meus dedos da flecha, que numa velocidade incrível, acertou o ponto vermelho no centro da placa. Desta vez, não reprimi a vontade de lançar mais uma flecha. No entanto, agi com tanta rapidez que peguei a ponta pontiaguda da flecha, que provocou um corte na palma da minha mão. Merda. Limpei o sangramento de minha mão no shorts, mordendo o lábio inferior por causa da ardência.

Me movi lentamente, baixando o arco que se encontrava erguido. Arrastei-me até ao arsenal, devolvendo as armas que carregava consigo. Afinal, não fora assim tão difícil. Balancei a cabeça negativamente, enquanto caminhava para a enfermaria, para tamparem meu ferimento.

Armas utilizadas::
 

Notes: Treinando ♦ Tagged: Instrutor; ♦ Words: Me obrigue 'u' ' ♦ Wearing: No momento, não importa

♦ The White Swan ♦ @CG

____

I am confused, fighting myself Wanting to give in, needing your help. Outside I don't know you, but inside I'm fucked.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 187
Data de inscrição : 04/01/2013
Idade : 20
Localização : Casa Grande

Ficha do personagem
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sex 22 Mar 2013, 23:04

♦Hora da avaliação - Louise!♦



♦ Ortografia: 8/10 pontos: Não vi nenhum erro de português gritante, apenas falta de acentos em algumas palavras e algumas vírgulas mau posicionadas, nada que uma releitura corrija. Mas preste atenção em algumas palavras que você digitou, por falta de um acento obtiveram um duplo sentido.

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 27/30 pontos: Tudo bom por aqui... Organizou um bom treino, apenas perdeu ponto por fugir do contexto em algumas partes.

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Tudo perfeito por aqui.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 13/15 pontos: Você por algumas vezes, citou palavras hiperbolizando-nas "minha posição de meu corpo" e algumas outras passagens.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos: Seu treino foi ótimo... Muito bem, conseguiu mostrar como um treino de arco e flecha acontece, e foi estrategista quanto ao uso do instinto de semideus..

♦ Capacidade Descritiva: 25/25 pontos: Uma perfeita descrição, e apesar de você ter descrevido coisas desnecessárias é melhor está sobrando do que faltando, certo?!

Experiência obtida em post: 93xp

Observação: Treino muito bom. Conseguiu organizar e descrever tudo com perfeição. Parabéns!

Atualizado!




Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics

____

Dionísio
Senhor para você • Deus do Vinho • Deus da Loucura • Deus da orgia e prazeres carnais •Thanks Larissa Sant @ Sugar Avatars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nicholas H. Malkovich
Filhos de Apolo
Filhos de Apolo
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 13/09/2012
Idade : 19

Ficha do personagem
Vida:
130/130  (130/130)
Energia:
130/130  (130/130)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qui 28 Mar 2013, 10:09

Treino de arquearia e armas á distância
"Nicholas H. Malkovich"

Hoje o dia estava num tanto nublado, porém o sol se mostrava presente. Eu acabara de acordar, sentia meus olhos caindo devido ao sono, mas tentava me despertar. Sentei-me na borda da cama ficando ali, logo esfreguei meus olhos e me espreguicei, tudo estava estalando. Alonguei os braços e o pescoço, rapidamente dei um pulo da cama. Claramente me encontrava no chalé de Apolo, a maioria dos meus "meio-irmãos" já haviam saído do chalé, para ir em treinos, entre outras atividades diversas que há pelo acampamento. Fazia um bom tempo que não ia ao um treino do acampamento... Provavelmente Quíron irá falar bastante sobre este "quesito", devo apenas escutar o certo e compreender oque ele vai dizer. Enfim, já basta de moleza, vamos voltar a ativa, depois de passar alguns minutos, Thiago adentra ao chalé. - E ai rapaz... Cansou de moleza ? Vamos voltar a por atividades neste corpo ? Abri um curto sorriso e disse a ele. - Positivo ! Vou lavar o rosto, me aprontar e vou direto ao treino de arquearia... Se quiser ir na frente. Thiago disse que não iria ao treino de arco e flecha, apenas ao treino de armas brancas. Com uma piscadela no olho, Thiago entendeu e se retirou do chalé novamente.

Fui a um dos banheiros do chalé, para lavar o rosto. No caminho tinha comido duas barras de cereais, que são bastantes nutritivas e o suficiente para mim. Após lavar, fui novamente ao dormitório, pegando os meus pertences... O meus colar que na verdade era um arco e aljava com flechas, espada, meu pequeno kit de primeiro socorros e por último pus a armadura de couro que o acampamento fornecia. Sendo assim retirei-me do chalé em direção a arena de treino.

Estava lá, indo ao determinado local e ficava pensando qual seria a reação de Quíron... O que ele iria falar ? Isso não vem totalmente ao caso, vou apenas me concentrar na minha atividade. Me aproximava cada vez mais da arena, ao estar dentro, Quíron me avistou e veio até mim. - Ah ! Voltou filho de Apolo ? Seu pai não está nada feliz. Teve boatos que você havia fugido, só que seu irmão Thiago, disse que você apenas ficava no chalé e ia almoçar e jantar. Meu coração disparou quando o centauro começou a falar. Logo respondi o mesmo. - F-Fugir não. Fiquei apenas no chalé... Agora eu voltei pra ativa. Quíron apenas falou "Assim espero". Pensei que ele iria dizer mais coisas, falando seus grandes sermões e lições de vida, mas não aconteceu nada disso. Quíron começava a gritar para que todos começassem o treino, eu ficava me alongando logo fui seguindo a fila que se formava a minha frente... Está fila era de tiro ao alvo.

- Vamos ver se me lembro como usar esse negócio. Disse me referindo ao arco e flecha. Peguei o colar pondo na palma da minha mão, de repente o objeto começa a vibrar... Em seguida se forma o arco e a aljava com as flechas, pus a aljava nas minhas costas. Depois tentei me lembrar como disparar uma flecha de energia, o instrutor já havia dado permissão atacar as flechas. Me concentrei ficando com o corpo firme, o arco e braço ereto... A mão esquerdo segurava o arco no centro, enquanto eu ia passando os meus dedos entre a parte, onde fica a corda, rapidamente aparece a flecha de energia, mais a corda que entrelaçava cada ponta do arco. Logo disparei a tal flecha. Após o "tiro", fui arrebatado com o impacto a uma pequena distância, fazendo-me cair ao solo. - Muito bem, é assim que aprendemos... Tentando, continue. Disse o instrutor que havia me ajudado a levantar.

Ficava lá disparando as flechas de energias e as flechas físicas. Com as flechas de forma física eu me dava melhor, conseguia acertar no centro do alvo, com disparos certeiros e no momento certo. Tudo se baseava nos cálculos, vento, posição, o jeito que segura o arco, distância, entre outras coisas a mais. Não me considerava um arqueiro nato, apenas um principiante que está aprendendo e logo vai chegar ao máximo.

Continuando... O treino de hoje era apenas o básico em um tempo curto. - Por hoje já esta bom campistas, podem se retirar ! Falou Quíron com sua voz alta. Peguei minhas flechas que havia disparado e as guardei na aljava, em seguida o arco e a aljava se formaram no colar novamente... Pus no pescoço e começava a caminhar pelo acampamento.




flarnius

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Connor L. Kenway
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 5
Data de inscrição : 29/03/2013
Idade : 19
Localização : United States of America

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 31 Mar 2013, 20:18



Treino de Arquearia
Treino matutino 07 ~ 08 hrs

Tagged: Trainning Wearing: This! Thank you Lari @ CG


Estava deitado em minha cama a última do chalé, um ótimo sonho estava tendo. Um barulho de despertador irrompeu o chalé gélido das proles de Quione e todos os campistas levantaram, todos menos eu, tinha acordado de verdade mais nada me motivava a levantar da cama e realizar minhas "obrigações". Puxei o cobertor não para me aquecer mais para cobrir minha cabeça, de repente foi atingido na cabeça por alguém, gemi de dor enquanto passava a mão no local para diminuir a dor. — Arggh, quem foi?_ Levantei da cama em um pulo de susto, me deparei com um garoto mais alto que eu que aparentava ser mais experiente, ignorei o fato e me preparei pegando uma muda de roupas.

Caminhei para os banheiros do acampamento fazendo minhas higienes - banho, escovar os dentes etc. Vesti-me com uma blusa cinza de manga longa, calça jeans escura e all star converse preto surrado que eu tinha. Hoje seria o meu primeiro dia oficial naquele lugar, desde ontem não tinha visto Academos, meu protetor. Estava caminhando sem rumo pelo acampamento procurando pela área de arquearia e treinos de longa distância quando me deparei com ela, sorte. Me aproximei de um campista que empunhava um arco de madeira e uma aljava. — Ãnnhh, hey eu sou novo aqui. Como treino isso ?_ O campista olhou para mim perplexo, mais logo compreendeu dando gargalhadas, fiquei com vergonha. Eu era apenas um novato besta que de nada sabia, porém, mantive uma expressão séria tentando disfarçar tais sentimentos, coisa que era fácil para mim.

— Ah, um novato. Sou o instrutor dessa área, me chamo John sou filho do deus Apolo!_ Proferiu com um certo orgulho em sua frase, especialmente na parte de ele ser filho do deus Apolo! Permaneci com a expressão indiferente, eu era bom naquilo. O jovem instrutor me acompanhou até um velho baú de madeira com adornos em metal, abrindo-o me entregou alguns arcos perguntando-me quais eu gostava enquanto explicava os benefícios e os pontos ruins dos instrumentos: arco composto, arco curto, arco longo. Escolhi o arco composto, nem muito grande nem muito pequeno e tinha uma bela força no seus tiros.

" Este deve servir, certo, agora é só praticar Connor, só praticar... "

Eu estava nervoso isto tenho de admitir, este seria meu primeiro contato com algum tipo de arma, nervosismo e ansiedade se misturavam dentro de mim agitando meu estômago como um vórtice de água corrente, estava extasiado com a ideia de ser filho de uma deusa, afinal quantas pessoas eram filhos de deuses ? Afastei tais pensamentos tentando me concentrar nos cinco alvos que estavam a minha frente, os alvos eram feitos de madeira pintados em diferentes cores de acordo com a dificuldade em se atingir o centro. Minha aljava de couro estava pendurada em meu ombro esquerdo, e ela continha vinte flechas de ponta de ferro de baixa qualidade como estanho ou cobre, retirei uma daquelas flechas da aljava posicionando sobre o cordão do arco. O instrutor estava ao meu lado, auxiliando-me em meu primeiro tiro de arco e flecha.

— Isto...coloque a flecha no cordão e a apoie no mão em que você segura o arco, então puxe a parte traseira da flecha até esticar o cordão a ponto dele resistir ao puxão, então solte..._ Falou o instrutor ao meu lado e eu segui tudo que ele estava a dizer.

Usei minha mão direita para segurar o arco, com a esquerda puxei a flecha aliando-a com cordão para não desviar para o lado, olhei para o alvo que estava disposto a minha frente tentando mirar a flecha no centro, isto não era nada fácil como em filmes. Maldito Robin Hood, aquele filme era uma farsa, não era tão fácil assim. Meu braço esquerdo não para de tremer com a força que eu estava exercendo sobre toda a estrutura do arco, o instrutor pediu para me acalmar e respirar fundo antes de disparar, é fácil falar difícil é fazer. Fechei os olhos e respirei fundo, então soltei a flecha, em segundos só escutei um zunido dela cortando o ar e indo em direção ao alvo. Plack, este foi o som dela cravando na madeira do alvo. — Aonde ela está?_ Olhava em para o alvo e então vi, a flecha cravou na parte em que dava menos pontos o instrutor bateu palmas ao ver resultado mais aquilo não bastava para mim, na verdade tinha sido horrível o tiro, para dizer o mínimo.

Retirei outra flecha da aljava de couro e posicionei ela com um pouco mais de facilidade - não muita - então, puxei o cordão do arco ao máximo para fazer ela ir mais rápido e com mais força. Alinhei a parte traseira da flecha sobre a mão direita, que, segurava o arco pela parte denominada "barriga do arco", fitei o mesmo alvo que antes eu atirara e respirei fundo e soltei o oxigênio filtrado pelos meus pulmões criando uma fumaça - devido ao hálito gélido - e então soltei a flecha visando o centro do alvo, a parte que mais dava pontos. Plack novamente e a flecha parou na parte que dava menos pontos, igual antes. A frustração tomava conta de mim isto era fato, mais dois tiros mal sucedidos não iriam me desanimar, suspirei em desaprovação e o instrutor se aproximou.

— Não se preocupe garoto, no começo sempre é assim, apenas a prática pode ajudá-lo a melhorar._ Deu tapinhas motivadores em meu ombro direito.

— Não estou desmotivado, este erros apenas me motivaram mais!_ Delineie um sorriso no canto da boca e o instrutor sorriu dando mais tapinhas.

Outra flecha eu retirei da aljava, posicionei sobre o cordão do arco e puxei o cordão gerando uma grande energia que iria ser usada para lançar a flecha até o alvo, procurei alinhar a parte traseira - a que tem as penas - alinhando na mão direita, respirei fundo e fechei os olhos concentrando-me no meu objetivo que era apenas atingir o centro do alvo e nada mais. Olhei para o lado direito e o instrutor me examinava. Tentei relaxar o máximo para não me afobar na hora do tiro, mais minha mão ainda tremia um pouco, logo, soltei o cordão do arco composto lançando a flecha contra o alvo. Plack denovo, e a flecha cravou na parte que mais da pontos novamente, fiquei frustrado mais não desmotivado. — Tsc, denovo!

Mais uma flecha eu retirei do recipiente de couro, posicionei sobre o cordão que prendia as duas hastes do arco que o curvava-o, alinhei com o alvo de acordo com alvo fechando o olho direito. Puxei a flecha exercendo energia sobre todo o arco incluindo a flecha, respirei fundo e fechei os olhos no momento do disparo soltando a flecha. Plack mais uma vez, e a flecha estava no chão ao lado do alvo que eu visava, aquilo foi algo muito desmotivador, nem no alvo tinha atingido. Fiquei nervoso e se o instrutor dissesse algo como " relaxe " " tente novamente " " somente a prática fará com que você melhore ".

Minha vontade era de jogar o arco de madeira no chão e pisá-lo até deixar em farpas indetectáveis, porém não podia fazer isto por que aquilo era propriedade do cara de camisa de florais e do homem aleijado da varanda (ele ainda não tem conhecimento real natureza dos dois, ele supõe que sejam campistas experientes). Puxei outra flecha novamente e fazendo todo o procedimento a lancei contra o alvo, dessa vez, atingi a parte que dá menos pontos novamente, pelo menos tinha atingido aquele maldito alvo circular de madeira. O instrutor permaneceu ao meu lado apenas mais dois tiros a frente e se despediu, provavelmente indo ajudar mais iniciantes afinal aquilo não era aula particular haha. Bocejei com um pouco de sono. Disparei mais cinco vezes e apenas o alvo de menor ponto conseguia atingir. Os dedos que eu usava para segurar a flecha estavam doloridos com o esforço, e minhas mãos suavam deixando o arco um pouco deslizante, e em um tiro corte a mão direita quando me acidentei desastrosamente. — Merda!_ Caminhei até o único alvo que estava praticando e retirei as flechas, ao total dez. Permaneci atirando por mais de uma hora seguida, o resultado foi: acertos apenas na parte que dava menos pontos, dedos e mãos doloridas e frustração sem contar dos erros que cometia a aproximadamente três tiros.




Falas
Narração
Pensamentos

Poderes utilizados:
 

Considerações:
 


____

• Connor Liam Kenway • Son of Quione • 14 years • Single •

Deve-se temer mais o amor de uma mulher, do que o ódio de um homem. - Sócrates

Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância. - Sócrates

As palavras tem o poder de causar grandes feridas, e também, o poder de fechá-las. - Albus Percival Wulfric Brian Dumbledore
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mnemósine
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 384
Data de inscrição : 23/04/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Seg 01 Abr 2013, 22:50

Nicholas Malkovich

♦ Ortografia: 9/10 pontos: Pequenas falhas. Nada grave, mas erros principalmente de pontuação, que podems er corrigidos com revisão.

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 20/30 pontos: Pena que desenvolveu muito pouco o treino em si. A idéia está presente, mas foi pouco aproveitada.

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos

♦ Uso Adequado de Linguagem: 12/15 pontos: A construção do texto está um pouco "entruncada", passa a impressão de que seu objetivo é fazer uma postagem grande, mas que acaba pobre em conteúdo e sem leitura fluida. Cuidado com o tempo verbal, em várias partes do texto há uma quebra, misturando os tempos.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos - Considerando que é um indefinido e ainda não domina nenhumahabilidade, neste ponto foi um bom treino, usando o que você tinha disponível.

♦ Capacidade Descritiva: 10/25 pontos: A postagem mais narra voc~e acordando e indo para a arena do que o treino em si. Tente diminuir a introdução e focar mais na atividade.


Total = 71 xp

Connor L. Kenway

♦ Ortografia: 7/10 pontos: Cuidado com a pontuação, o tempo dos verbos e principalmente a diferença mas/ mais - mais é de soma, adição, quantidade, e mas é adversativo, indica oposição - o que você provavelmente queria usar no texto; a diferença entre as duas coisas é grande. Ex: Quanto mais flechas errava, mais frustrado ficava.[quantidade]/ Ele treinou muito mas não conseguiu acertar o centro do alvo.[oposição]

♦ Coerência , Coesão, Organização, Conteúdo e Ideias: 25/30 pontos: Desenvolveu bem o treino, mas pecou em algumas coisas - nem todas relativas à atividade em si, mas nas descrições, lembrando que todo semideus é informado da natureza de Quíron e do Sr. D., já que são eles quem explicam aos novatos sobre o acampamento.

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos

♦ Uso Adequado de Linguagem: 10/15 pontos: Cuidado com a ortografia, que influencia aqui também, e com relação à observação - tente inserí-la como um pensamento do personagem, por exemplo, ou mesclá-la ao texto, tornando parte do todo ou, em último caso, usando o espaço para considerações, que você deixou no seu template. Como está, quebra a narrativa, interferindo no texto.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos - Considerando que ainda não domina nenhumahabilidade, neste ponto foi um bom treino, usando o que você tinha disponível e sem ser OP.

♦ Capacidade Descritiva: 20/25 pontos: Bom desenvolvimento do treino de forma geral, com os pensamentos do personagem e suas ações. Poderia incrementar com descrições e orientações mais detalhadas, mas foi muito bem!

Total = 82 xp

Avaliados e atualizados

____

A.k.a.:
 


“Um povo sem memória é um povo sem história. E um povo sem história está fadado a cometer, no presente e no futuro, os mesmos erros do passado”.
(Emília Viotti da Costa, historiadora)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elizabeth W. Miller
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 57
Data de inscrição : 20/03/2013
Idade : 19

Ficha do personagem
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Seg 08 Abr 2013, 19:02



Sorry If I Almost Killed You


Aquele era um dia nublado, o que a tornava ótima para treinamentos, já que assim você não transpiraria tanto quanto transpiraria de baixo de um sol forte. Me dirigi até a área de treinos de arco e flecha com uma garrafinha de água e a deixei na sombra de uma árvore. Eu nunca havia treinado arco e flecha, porém não parecia difícil. Me aproximei de outros campistas que treinavam ali e pedi um arco e algumas flechas emprestadas, já que ainda não possuia as minhas própias. Em seguida me posicionei em frente aos alvos que ali haviam e introduzi a flecha no arco. Até ali, tudo parecia simples e fácil... Como eu estava errada!

Fechei um dos olhos e mirei, puxando com força o elástico do arco. Quando pensei estar pronta, o soltei e de alguma forma a flecha foi parar em um lugar completamente diferente, quase acertando a cabeça de um campista de Apolo que treinava ali também. - Me desculpe! - gritei um pouco sem graça.

Eu não sabia exatamente o que eu havia feito de errado, mas provávelmente eu não estava segurando o arco firme o suficiente, ou não havia aplicado força o suficiente. Qualquer coisa que tenha sido, eu tentei de novo, desta vez apertando mais minha mão no arco e puxando o elástico bem mais longe. Fechei novamente um de meus olhos, mirei no alvo e soltei o elástico, liberando a flecha que agora voava em direção do alvo com a força e precisão necessária exata.

A flecha havia atingido o arco. Não perfeitamente no centro, mas ainda sim havia atingido-o. Tudo bem, isso poderia ser aperfeiçoado mais tarde, mas agora eu estava feliz por ter conseguido. Tomei um grande gole de minha água e continuei com aquele treinamento o resto do dia na maioria das vezes acertando, algumas vezes errando, e as vezes até quase matando alguém.


____

MILADY ELIZABETH WOLSTENHOLME MILLER

destroy the spineless, show me it's real
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 187
Data de inscrição : 04/01/2013
Idade : 20
Localização : Casa Grande

Ficha do personagem
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sab 13 Abr 2013, 17:45

♦Connor L. Kenway♦



♦ Ortografia: 5/10 pontos: Houve muitos erros de empregação de pontos gramaticais, o que afetou a leitura do seu texto. Erros de português em exceço também acarretou na nota obtida. Tome mais cuidados com as figuras de linguagens que você usa, principalmente a hipérbole e a onomatopéia.

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 16/30 pontos: O inicio do seu post ficou sem anexo. Não pude compreender o motivo de narrar a participação nas tropas de guarda, afinal, você é novato (Level) As vezes, durante toda a narração você contradizia o que dizia anteriormente, muito cuidado quanto á isso.

♦ Organização da Postagem: 8/10 pontos: Como dito antes, o ínicio deixou tudo muito desorganizado, a ponto de não haver um ligação entre uma coisa com a outra.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Tudo perfeito por aqui.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 9/10 pontos: Seu treino com o arco foi excelente, apenas foi retirado pontos da forma com a qual utilizou os meios, e a própria arma.

♦ Capacidade Descritiva: 19/25 pontos: Descrição boa, apenas tomar cuidado com a falta da descrição nas partes essenciais por apenas uma questão de estética.

Experiência obtida em post: 72xp

Observação: O inicio realmente atrapalhou na narração, e a falta de ligação e coerência pesou quanto á isso... Mas cuidado na próxima, você tem potencial, e cabe a você dar o máximo dele!
Atualizado!


Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics

____

Dionísio
Senhor para você • Deus do Vinho • Deus da Loucura • Deus da orgia e prazeres carnais •Thanks Larissa Sant @ Sugar Avatars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 187
Data de inscrição : 04/01/2013
Idade : 20
Localização : Casa Grande

Ficha do personagem
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sab 13 Abr 2013, 17:57

♦Elizabeth W. Miller♦



♦ Ortografia: 8/10 pontos: Houve alguns erros de português, que seguia a antiga norma ortográfica, nada demais. A maior perda foi quanto ao uso da hipérbole, que apareceu em um contraste muito definido do que o normal.

♦ Coerência , Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 25/30 pontos: Seu post foi pequeno, o que impediu de tirar menos pontos nesse quesito, falta de coerência na contradição de fatos "Primeiro treino de arquearia" e acertos precisos logo no começo, mais cuidado com isso.

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Perfeito.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Tudo perfeito por aqui.

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 7/10 pontos: Perca de pontos pela narração de uma rápida aprendizagem e sem um guia. Você narrou acertos, no primeiro treino sem ajuda, como se já fosse experiente, cuidado.

♦ Capacidade Descritiva: 23/25 pontos: Descrição boa, apenas tomar cuidado com a falta da descrição nas partes essenciais por apenas uma questão de estética.

Experiência obtida em post: 88xp

Observação: Bom treino, não melhor que o outro, mas mesmo assim ainda consigo ver seu potencial. Parabéns.
Atualizado!


Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics

____

Dionísio
Senhor para você • Deus do Vinho • Deus da Loucura • Deus da orgia e prazeres carnais •Thanks Larissa Sant @ Sugar Avatars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diego Stark
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 83
Data de inscrição : 23/03/2013
Idade : 20
Localização : Colina meio sangue

Ficha do personagem
Vida:
140/140  (140/140)
Energia:
140/140  (140/140)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 21 Abr 2013, 17:12

Trino de arquearia e armas a distancia. 15h às 15:20.
Eu sabia que meu parceiro de treinamento havia recebido uma missão e, portanto, não voltara para o acampamento tão cedo. Decidi treinar arquearia naquela tarde ensolarada, a proposito, eu nunca havia treinado com arco desde que cheguei ao acampamento, mas julguei ser fácil. Eu usava a camisa laranja do acampamento e uma calça jeans quando terminei de me trocar no meu quarto no chalé de Hermes, e rapidamente comecei a me dirigir para a arena. Eu estava confiante em relação a arquearia, oque poderia dar errado? Era só puxar a corda e acertar no meio do alvo.

A arena estava com mais ou menos dez campistas, mas todos treinavam com as espadas. Dirigir-me até o arsenal e peguei um guarda flechas, com aproximadamente vinte flechas, e um arco. Fui até a frente de um dos alvos, encachei uma flecha na corda puxando-a até a ponta de meu nariz, esvaziei a mente e libertei a flecha. Bom do meu ponto de vista para uma pessoa que treina pela primeira vez acerta uma das pilastras da arena era bom, o problema é que a pilastra estava muito a esquerda de onde eu havia mirado. Respirei fundo e tentei não me sentir frustrado. Peguei outra flecha, a encachei na corda e a puxei até um pouco mais, também segurei mais firme o arco e disparei. Novamente tinha sido uma catástrofe, nem consegui ver onde a flecha tinha parado. As pessoas da sala começaram a me olhar com caras de risos, oque me deixou desconfortável. Agora iria dar certo, tinha que dar, mais foi de novo para fora desta vez foi se alojar em outro alvo. Eu considere uma vitória, se em uma batalha eu mirasse na pessoa da minha frente mataria o do lodo dele.

Continuei tentando até que finalmente consegui acerta na parte mais distante do centro, mas consegui, e agora só me restava uma flecha, as outras enteavam espalhadas em diferentes cantos da sala. Aquela seria a flecha que acertaria o meio. Parei por um momento e pedi para Apolo e Ártemis que me ajudassem em minha ultima tentativa. E parece que atenderam, pois quando disparei a flecha ela chegou bem mais perto do centro do que anterior. Vitorioso, fui até o alvo e peguei as duas únicas flechas que havia acertado e as guardei de volta no guarda flechas e depois fui dar uma volta na praia para relaxar a mente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 27/04/2012
Localização : No seu quarto.

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Qua 24 Abr 2013, 20:54

♦ Hora da avaliação - Diego Stark ♦




♦ Ortografia: 9/10 pontos: Perfeito.

♦ Coerência, Coesão,Organização, Conteúdo e Ideias: 28/30 pontos: Diego, você realmente me surpreendeu em relação ao seu outro post. Nesse, pude ver que você caprichou e seguiu as minhas dicas. Pude notar um errinho ou outro, mas isso pode ser resolvido. Enfim, meus parabéns!

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Tudo perfeito, parágrafos separados e em ordem.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Continue assim!

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 09/10 pontos: Muito bom!

♦ Capacidade Descritiva: 24/25 pontos: Você se puxou nesse post, mostrando que é capaz e conseguiu fazer algo que eu não imaginava. Parabéns, novamente.

Experiência obtida em post: 95xp




Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics


♦ Atualizado ♦


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diego Stark
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 83
Data de inscrição : 23/03/2013
Idade : 20
Localização : Colina meio sangue

Ficha do personagem
Vida:
140/140  (140/140)
Energia:
140/140  (140/140)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sex 26 Abr 2013, 16:29

Treino de arquearia e armas à distancia. 17:35 à 18:00.

Meu ultimo treino de arquearia não havia sido muito bom, então eu decidi treinar outra vez com o arco e flecha antes de voltar a treinar com a espada. Sai do chalé de Hermes usando uma camisa de manga curta preta e uma calça jeans, que já estava um pouco velha, e parti para a arena. O fim de tarde estava mais quente que o normal e eu mal tinha acabado de tomar banho e já estava soando de novo. Passei por alguns amigos no caminho e os cumprimentei, mas não parei. Desta vez estava muito mais confiante em relação a arquearia, mas não tinha muitas esperanças de consegui acertar muitas das flechas, pois ainda era um novato, e além do mais era apenas meu segundo treino com arco.

A arena estava vaza. O fogo das tochas que estavam nas paredes e pilastras crepitava lentamente e dava luz ao lugar. Encontrei no arsenal da arena um arco e uma aljava contendo vinte flechas. Antes de começar o treino puxei algumas vezes a corada do arco como para prepara-lo para o treino. Dirigi-me para frente de um alvo, um pouco distante, e puxei uma flecha... A porta da arena tinha se aberto e três campistas do chalé de Atenas estraram por ela. Eles riam e falavam alto, mas ao me verem diminuíram o tom da voz.

Voltei a me concentrar no meu treino. Encachei a flecha na corda, puxei-a e libertei a flecha. Desta vez ela havia se alojado na parte mais distante do centro do alvo, mas eu não me deixei esmorecer. Cocei a testa e voltei a pegar uma flecha, a encachei na corda em seguida puxei-a e disparei. Outra vez sem sucesso. Era muito mais difícil que eu havia imaginado. A flecha simplesmente não ia para o meio do alvo. Eu tentei e tentei varias vezes, até que me sobrou uma flecha. As outras flechas estavam todas fincadas na borda do alvo em que eu mirava e aquela, que eu segurava, não podia de jeito nenhum se juntar a elas. Determinado, puxei a corda com a flecha encachada nele e disparei minha ultima tentativa de acertar o meio, mas ela nem sequer chegou a acertar o alvo, ela batei em outra flecha já fincada e caio no chão.

Desanimado, apanhei as flechas guardando-as uma por uma na aljava. Na saída pude ouvir o tilintar do aço das espadas que os filhos de Atenas brandiam uns contra os outros. Lá fora a noite já estava sobre o acampamento e a lua cheia pairava sobre o acampamento bonita como sempre.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 27/04/2012
Localização : No seu quarto.

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sex 26 Abr 2013, 19:15

♦ Hora da avaliação - Diego Stark ♦




♦ Ortografia: 9/10 pontos: Perfeito.

♦ Coerência, Coesão, Organização, Conteúdo e Ideias: 27/30 pontos: Novamente, tudo ok nesse ponto. Parabéns.

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Tudo perfeito, parágrafos separados e em ordem.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 14/15 pontos: Continue assim!

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 08/10 pontos: Muito bom!

♦ Capacidade Descritiva: 25/25 pontos: Tudo perfeito, mais uma vez pude notar o capricho em seu post, Diego.

Experiência obtida em post: 93xp




Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics


♦ Atualizado ♦


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Selly Wittels. Chthon
Filhos de Dioniso
Filhos de Dioniso
avatar

Mensagens : 18
Data de inscrição : 15/03/2013
Idade : 19
Localização : Por aí q

Ficha do personagem
Vida:
105/105  (105/105)
Energia:
105/105  (105/105)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Sab 04 Maio 2013, 14:22

Uma bruma misteriosa cobria toda a extensão do acampamento naquela manhã. Talvez fosse normal a aparição de pequenas névoas durante o inverno por causa do frio, mas era totalmente estranho imaginar que tudo estava coberto por nuvens brancas. O tempo também não era lá dos melhores; estava um frio imenso, e devido a isso Sellena colocou uma camiseta de manga comprida com um colete feito de bronze celestial por cima. Aquele colete era quase que um material básico que todo campista deveria ter para não ficar ferido, pelo menos na sua opinião. Pegou algumas uvas das Vitis vinifera, uma espécie comum de videira para consumo próprio que brotava ao redor do chalé em toda a sua majestosidade. Antes de abandonar completamente o local, colocou o arco com três flechas em suas costas. Seria um dos seus primeiros treinos em tiro ao alvo; e com certeza, ela não estava pronto. Aquele material havia sido feito por um filho de Hefesto qualquer e todo aluno poderia ter um se quisesse mas alguns se identificavam com espadas, outros com adagas, eu com o arco e a flecha. Não sabia o verdadeiro motivo, apenas queria tentar; um novo desafio para tentar conquistar além de que aquele tipo de situação era nova para ela. Tinha descoberto quem era seu verdadeiro pai há oito anos, mas só foi entender com seus treze anos e só fora para o acampamento com quinze anos, uma completoa novata em meio de crianças de doze anos que já sabiam cortar cabeças de monstros.

Balançou sua franja levemente contra uma fraca brisa fazendo com que seu cabelo fosse levantado. Saiu andando em direção ao campo de treinamento com seus acessórios em mãos. Alguns dos poucos amigos que fizera durante a sua estadia pequena acenavam de vez em quando; uns até deram umas piscadinhas para a garota. Depois de uma caminhada pelos longos terrenos de terra batida, Selly chegou no local desejado e em apenas cinco minutos já tinha tirando as suas armas para fora e mirando em um dos alvos pintados de vermelho e branco. Aquilo parecia tão clichê e tão simples. Sellena deu algumas flechadas, mirando no centro e acertando em locais diferentes. Uma das flechas parou em uma macieira, a outra em um black power de um garoto e a terceira no canto esquerdo do alvo bicolor.

- Droga. - Saiu andando aos arredores indo em busca das flechas perdidas, conseguindo recuperar todas com rápidez. Um veterano que deveria ser um ou dois anos mais velho que a filha de Dionísio se aproximou um pouco e perguntou se ela queria ajuda. Era claro que Selly respondeu que sim. Seus músculos perfeitamente delineados tocaram o corpo aparentemente frágil da garota - se comparado com o resto as pessoas ali - e foi guiando então quais movimentos ela deveria fazer e de que modo deveria segurar. O primeiro passo foi quando ele (ao colocar as mãos atrás dela) ajeitou os braços finos da garota de modo que seu cotovelo direito ficou bem dobrado e seu queixo quase encostasse na flecha. Disse que eu deveria ver o vento e o ângulo. Tudo era muito básico para ele, mas para Selly era como estar tendo aulas de matemática avançada. - Se o vento indicar para a direita, então devo mirar com um ângulo mais a esquerda? - Balançou a cabeça positivamente para garota e abriu um grande sorriso. Respirando fundo, Selly jogou a primeira flecha que - por mágica, ou não - acertou o alvo na terceira linha; algo bom para uma principiante como a garota ali. Repetiu o ataque mais vezes até que conseguiu acertar em um ponto bem próximo do circulo branco que encontrava-se no meio.

O garoto desconhecido foi ao encontro da filha de Dionísio, dizendo que sabia que ela conseguiria fazer aquilo. Selly sorriu, e passou o resto da manhã atirando flechas, só parando passado do almoço, quando notou que já havia acertado o meio do alvo três vezes.











____

Sellena Anne Wittelsbach von Chthon ♥️
TELL ME WHAT YOU WANT TO HEAR SOMETHING THAT WERE LIKE THOSE YEARS SICK OF ALL THE INSINCERE SO I’M GONNA GIVE ALL MY SECRETS AWAY THIS TIME, DON’T NEED ANOTHER PERFECT LINE DON’T CARE IF CRITICS NEVER JUMP IN LINE I’M GONNA GIVE ALL MY SECRETS AWAY.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 27/04/2012
Localização : No seu quarto.

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 05 Maio 2013, 12:03

♦ Hora da avaliação - Selly♦




♦ Ortografia: 9/10 pontos: Perfeito.

♦ Coerência, Coesão, Organização, Conteúdo e Ideias: 30/30 pontos: Muito bom!

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Tudo perfeito, parágrafos separados e em ordem.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Continue assim!

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos: Muito bom!

♦ Capacidade Descritiva: 25/25 pontos: Tudo perfeito. Notei que você tem uma grande capacidade nesse âmito, que pode ser bastante explorado.

Experiência obtida em post: 99xp




Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics


♦ Atualizado ♦


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kira L. K. Schramm
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 174
Data de inscrição : 28/04/2012
Idade : 20
Localização : Chalé da Quiqui -qn

Ficha do personagem
Vida:
190/190  (190/190)
Energia:
180/180  (180/180)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 05 Maio 2013, 15:49



Treino Matituno

ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ



O chalé 19 está mergulhado no silêncio, as proles de Quione dormem tranquilamente embalados na neve que os cerca..
Em uma das inúmeras camas por ali espalhadas, uma figura abre os olhos e se mexe na cama, jogando ao chão os lençóis de seda. A garota boceja e com as palmas das mãos esfrega os olhos, sonolenta olha para o relógio na parede- 6:11 a.m. Kira pragueja em grego antigo e volta a fechar os olhos, com a esperança de voltar a dormir. Para a sua infelicidade, Hypnos e Morfeu lhe abandonaram e se recusam a permitir a entrada em seus domínios novamente. Sem outra opção, a loira levanta-se da cama e vai para o banheiro fazer a sua higiene matinal, ao sair, já veste sua roupa preferida- shorts jeans rasgados, uma blusa preta e branca, jaqueta preta de couro e coturnos, também negros.

Agora está sentada na cama, ainda praguejando por ter acordado tão cedo.

- Porra, que merda eu vou fazer agora?

Com um suspiro abre o baú aos pés da cama, de dentro tira um arco de cabelo prateado, coloca o mesmo na cabeça, lança um ultimo olhar ao seu lugar de repouso e sai do chalé.

A arena está vazia, para a menina é um alivio, o silencio é tanto que seus passos são ouvidos.

A semideusa se dirige à área de arquearia, para em frente aos bonecos que imitam a foram humana e faz um rápido aquecimento, depois que se alonga abre uma pequena distancia do alvo. Leva a mão à cabeça e tira o arco da mesma, gira o arquinho prateado que se expande até sua forma original, Snowbreaker.

Posicionando-se de lado e segura o arco de cristal com a mão direita, puxa o cordão, até então invisível e uma flecha de gelo surge. O fio é esticado, quando os três dedos indicadores- os mesmos que seguram o fio- tocam em seus lábios, ela solta o cordão. A flecha sai zunindo, e facilmente rasga os três metros á frente e crava-se na barriga do boneco. Os gestos anteriores são repetidos mais cinco vezes, todas as flechas disparadas acertam a barriga do boneco alvo.

Kira está irritada e entediada, seus movimentos são bruscos e repletos de uma rigidez robótica. A cria do gelo olha o boneco, as flechas brancas cravados em seu abdômen trazem a tona imagens de um homem agonizando com as tripas à mostra, ela sorri perversamente.

Lógica, que um ferimento daquele gênero não seria causado por flecha, mas a simples visão anima a menina.

Mais dois metros são abertos entre o boneco e a arqueira, agora a cinco metros ela prepara o arco novamente. Os olhos azuis gélidos tem um alvo, a cabeça. Ela respira uma, duas e na terceira vez, a flecha de gelo é liberada.

- Merda. – resmunga ela.

O projétil erra o alvo, passando centímetros acima da cabeça.

Bufando puxa o cordão gélido, a flecha branca surge, ela levanta os ombros e seu olhar é fixo na cabeça de palha. ZUUUM. É o barulho que a flecha faz ao passar, mais uma vez, a centímetros do seu objetivo.

Indignada consigo mesma, Kira joga o arco no chão, levantando poeira do chão arenoso.

A essa hora, o Sol já brilha forte no céu azul sem nuvens, a pele da filha de Quione começa a adquirir um tom avermelhado e, o suor começa a escorrer em sua testa. Ela tira a jaqueta e deixa a mesma cair no chão, leva as mãos aos cabelos dourados e os prende de qualquer jeito. Seu braço lateja. Uma brisa gelada sopra os fios soltos no rosto da campista que aproveita e fecha os olhos, o alivio é instantâneo. Sua respiração que antes estava rápida e ofegante, agora é lenta e regular.
Kira abre os olhos e recolhe o arco do chão e o arma mais uma vez. Seu alvo continua o mesmo.

-Foco - sussurra para si mesma.

O cordão encosta em seus lábios pálidos, os ombros e o cotovelo são erguidos, a flecha está preparada o alvo é claro. O fio tensionado é solto, o projétil de gelo é disparado, dessa vez ela não vai errar. Em seu rosto há um sorriso orgulhoso.

A centímetros de seu objetivo a flecha é empurrada para o lado, caindo sem força no chão. Vento.

Kira está paralisada aos poucos, seu resto se fecha, seus olhos brilham em um fogo azul, ela caminha até o boneco, recolhe a flecha caída e crava na cabeça do alvo.

- Pronto, seus miolos foram estourados.

A filha de Quione dá meia volta e pega a jaqueta do chão, deixa a arena em silencio, mas poucos segundos depois decide compartilhar seu vasto estoque de xingamentos e maldições com os outros campistas...

Poderes ::
 

Armas::
 

OBS :
 

Tagged: Everybody Wearing: This! Thank you Lari @ CG
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 27/04/2012
Localização : No seu quarto.

MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   Dom 05 Maio 2013, 16:53

♦ Hora da avaliação - Kira♦




♦ Ortografia: 10/10 pontos: Perfeito.

♦ Coerência, Coesão, Organização, Conteúdo e Ideias: 30/30 pontos: Muito bom!

♦ Organização da Postagem: 10/10 pontos: Tudo perfeito, parágrafos separados e em ordem.

♦ Uso Adequado de Linguagem: 15/15 pontos: Continue assim!

♦ Estratégia e Uso de Armas/Habilidades e Poderes: 10/10 pontos: Muito bom!

♦ Capacidade Descritiva: 23/25 pontos: Tudo perfeito. Notei que você tem uma grande capacidade nesse âmbito, que pode ser bastante explorado.

Experiência obtida em post: 98xp




Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics


♦ Atualizado ♦


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Treino de arquearia e armas à distância   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Treino de arquearia e armas à distância
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Abertura da nova Loja de Armas - Promoção de 50%
» Vendo armas.
» [Tutorial] Como por novas armas no xas hero 3.91
» Sistema De Level Para Equipar Armas e Armaduras Por Eventos M.C.O
» Hora do treino. A Rota 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Acampamento Meio-Sangue :: Arenas :: Treino de Arquearia e Armas à Distância-
Ir para: