InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Atenção deuses! Há um aviso no Staff Loungue para vocês, entrem e leiam.

Important: Seu avatar é registrado? Ainda não?! Evite levantes, corra aqui: [MENINOS | MENINAS].
EM REFORMA, AGUARDEM! Novidades virão, algo que já estava mais do que na hora, não acham?!

Compartilhe | 
 

 Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Thanatos
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 403
Data de inscrição : 03/05/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira   Qui 31 Jan 2013, 21:18

N Ladrão que rouba ladrão... N



Nada melhor que uma boa refeição para recuperar as energias após um longo dia de treinos. Tudo que a garota queria era comer, comer e comer. O refeitório estava cheio, como sempre, as conversas paralelas dos campistas estavam fazendo a cabeça de Kira explodir, mas essas foram cessadas quando um pequeno karpoi pulou sobre as mesas do refeitório fazendo uma tremenda bagunça. Para a infelicidade da campista, o humanoide roubou a adaga que estava presa em sua cintura e ameaçou atacar quem se aproximasse.

Os campistas mais assustados correram para dentro dos seus chalés, os curiosos ficaram para assistir enquanto Kira levantava de sua mesa gritando: “Ninguém ouse atacar, essa luta é minha.”.

Código:
Diretrizes de postagem

O objetivo é simples: recuperar a sua adaga. Tome cuidado, porém, que a adaga não é a única forma de ataque que o humanoide possui;

Não se deixe enganar pelo tamanho, os karpois são criaturas indomáveis e perigosas.

Água os regenera. Tal elemento é o que menos falta no refeitório, portanto tome muito cuidado para que ele não se encoste a nada molhado.

15 dias para postar

Boa sorte



Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kira L. K. Schramm
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 174
Data de inscrição : 28/04/2012
Idade : 20
Localização : Chalé da Quiqui -qn

Ficha do personagem
Vida:
190/190  (190/190)
Energia:
180/180  (180/180)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira   Sab 02 Fev 2013, 22:28

Nhac, nhac...
Tagged: Aindan- Karpoi Wearing: This! Notes: Poneis malditos, poneis malditos lalalallalaa -q Thank you Lari @ CG


- Vamos crianças, hora do jantar! – chamei meus meios-irmãos – Rápido ou irei sair sem vocês.

- Tem certeza, Kira? Se fizer isso, vou contar para o Quíron.

- Algum dia desses, irão encontrar um corpo mutilado... Esse corpo será o seu, Aindan!

Sem esperar pela resposta, ou mesmo por meus irmãos, deixei o chalé de Quione. Mesmo a essa hora, o calor era insuportável, se não fosse pela fome monstruosa que sentia, não iria deixar meu refugio gelado por motivo algum. Mas agora, tudo o que quero é comer, comer e comer mais ainda.

Para a minha tristeza, o refeitório já estava cheio. Vozes elevadas e risadas escandalosas, além do maldito calor dos corpos ali reunidos. Tudo isso fazia minha cabeça doer, o barulho em si já era irritante, mas os campistas mais novos jogando comida uns nos outros, era pior. Sim, eu pareço uma velha solteirona!

Parei atrás de uma garota ruiva e, praticamente no mesmo instante que cheguei, ela começou a falar- contou detalhe por detalhe do seu dia, era uma novata indefinida, animada demais para o meu gosto. Sua voz transformou-se em um zumbido fraco, minha atenção estava voltada para o refeitório. Aquele lugar grande, mas depois que os novos campistas chegaram foi tudo reformado, agora poderia acomodar trezentas pessoas. Porém, continuava a ser um lugar simples; mesas e bancos feitos de madeira, sendo que no centro da mesa está o símbolo do progenitor olimpiano. A lareira que nunca se apaga fica depois das mesas de buffet- que sem nenhum exagero- têm de tudo um pouco. A Mesa Grande é onde nosso diretor de atividades fica, junto com o Sr. D e Argos, o chefe da segurança. Resumindo, uma grande tenda cheia de mesas. A fila andou, a ruiva continuou a falar, peguei um prato e comecei a me servir, no final havia um montinho em meu prato. Segui os outros até a fogueira para oferendas, me aproximei e deslizei metade da comida para o fogo, uma fumaça branca e gélida soprou em meu rosto.

- Quione, deusa da neve – falei e acrescentei em seguida- Obrigada, mãe!

Não demorou muito e meus irmãos juntaram-se ao redor da mesa para o jantar. Nenhum deles era criança, todos tínhamos idades parecidas, além do mais, somos crias da neve. Não somos animadinhos, na maioria das vezes nos damos bem, mas exceções existem.

Em garfada em garfada, meu prato ia se esvaziando, como também o refeitório. Quando finalmente comecei a escutar meus próprios pensamentos, gritos femininos foram ouvidos. Deixei escapar um suspiro, os gritos continuaram e no instante em que virei para ver o que era uma pequenina sombra tocou minha cintura por um misero segundo. Quando dei por mim, minha adaga já não estava mais na bainha.

Pisquei abobalhada por alguns segundos. Quem seria estupido o suficiente para roubar minha adaga?!

Campistas gritaram e correram para seu chalés, eu ainda não conseguia ver o ladrão. Presumi que era um monstro, um monstro bem baixinho e rápido.

Os gritos não duraram muito, a essa altura o refeitório já havia se esvaziado, exceto por meus irmãos e alguns filhos de Ares.

- Aaaaah!

Uma figura vestida com grãos surgiu encima da mesa, tinha uma forma humanoide e a pele verde, era baixinho e rechonchudo, reconheci-o como um karpoi, espíritos dos grãos. Segura em sua mãozinha estava minha adaga, na ponta um liquido rubro brilhava, ele havia atacado os campistas. Um filho de Ares deu um passo a frente, preparando-se para lutar. Levantei-me do banco e gritei:

- Ninguém ouse atacar, essa luta é minha.

O humanoide sorriu e brandiu minha adaga, eu por minha vez, toquei de leve o bracelete em meu pulso, o mesmo brilhou e se expandiu, até chegar a forma original de Iceclaw. Segurei a corrente com a mão esquerda e com a direita comecei a girar a mesma. O manto branco surgiu em seguida, o tecido de seda prateada e branca era leve, mas tinha seus benefícios...

- Garota fria, sua mãe acaba matando muitos dos nossos. O Trigo não gosta do frio. Eu sou o Trigo, eu não gosto de você!

Com suas ultimas palavras, o ser de 1m de altura atacou- usando a minha adaga, tentou desferir um golpe em meu estomago, pulei para o lado e desviei do ataque. O karpoi caiu no chão e atacou novamente, dessa vez visando minhas pernas. Bufei irritada, correntes não servem para lutas corpo a corpo. Com esse pensamento me distrai, baixando minha guarda, o humanoide aproveitou e cravou a arma em minha coxa esquerda, para ajudar gavinhas espessas brotaram do chão e começavam a prender minhas pernas. A dor surgiu, seguida da raiva e da impaciência. O espirito recuou sorrindo, a arma novamente em mãos...

-O Trigo ganhou.

Abri um sorriso sarcástico, reunindo uma quantidade um pouco maior de oxigênio, em seguida soprei em direção as gavinhas. O gelo formou-se ao redor das mesmas que recuaram, o aperto em minhas pernas se desfez passados menos que trinta segundos, chutei o karpoi para longe, lançando-o contra uma mesa. Girei novamente a corrente, o espirito levantou-se um pouco tonto a adaga segura em mãos, lancei a corrente em sua direção, porém, mesmo tonto ele era rápido e desviou-se com um pulo- a corrente prendeu-se na perna da mesa, com um puxão os espinhos destruíram a madeira.

Repeti o ato, mas dessa vez, com efeito, a corrente prendeu-se no pequeno corpinho- os espinhos entrando fundo na pele lancei-o em direção as mesas de Buffet, onde ele caiu derrubando a maioria dos alimentos.

- Bicho maldito.- resmunguei e comecei a me aproximar da mesa, com a intenção de recuperar a adaga.

Quando estava a poucos metros da bagunça, o humanoide pulou totalmente revigorado e encharcado de uma substancia rosa. Sorrindo o espirito me apontou o dedo, espinhos vieram em minha direção, eram muitos não havia como desviar, mas eu não precisava.

Os espinhos estavam caídos no chão, deles escorria um liquido verde gosmento- veneno. Sorri para o karpoi.

- Lindo meu manto, não? Além de belo, ele impede ataques como esse, não importa quantas vezes tentar, não irá funcionar.

Mentira. O manto era encantado, porém funcionava apenas uma vez, mas o humanoide não precisava saber disso.

Começamos a nos movimentar, eu para frente e ele para trás. Com a mão direita girei a corrente, ele brandiu a adaga.

- Água faz bem ao Trigo. Cura os machucados. O Trigo gosta d’água.

Franzi o cenho, aquilo era um problema, o que não faltava ali era água. Essas malditas plantas, passam o dia aproveitando o Sol e a água, agora vinham aqui incomodar. Mas, e se...

Partículas brilhantes começaram a surgir ao redor do espirito dos grãos, logo ele parou de andar e olhou fascinado, as partículas começaram a girar e brilhar com mais intensidade, a luz o cegou momentaneamente. Lancei a Iceclaw em sua direção, a corrente prendeu-se em volta do corpo pequenino, os espinhos de gelo gravaram-se na pele verde- a adaga caiu no chão com um tilintar. O brilho cessou, o karpoi estava totalmente imobilizado, puxei a corrente de volta, grãos de trigo voaram para os lados. Recolhi a adaga do chão, guardando-a na bainha, toquei meu pulso esquerdo- Iceclaw desapareceu.

Agora minha perna sangrava, o corte que aparentemente era pequeno, não era. Havia atingido o musculo e também uma veia, o sangue ensopou minha perna e o chão, suspirei e fui para a enfermaria.


Poderes utilizados ::
 

Armas utlizadas:
 

OBS:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Thanatos
Deuses Menores
Deuses Menores
avatar

Mensagens : 403
Data de inscrição : 03/05/2012

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira   Seg 18 Fev 2013, 12:18




N Avaliação N




Ortografia - 28/30
Coerência , coesão e organização e conteúdo e idéias - 80/90
Organização do post - 30/30
Uso adequado de linguagem - 45/45
Estratégia e Uso de Armas, Habilidades e Poderes - 25/30
Capacidade descritiva 55/75

Ganhos HP/MP: 10/10
Descontos HP/MP: 10/0
Dracmas: +40
Item: Água encantada [Um pequeno frasco de 10mL cheio de água. A água possui propriedades mágicas que curam 10 pontos do HP de quem a consome][Item ganho na missão "Ladrão que rouba ladrão..."]


TOTAL=263xp


Código:
Muito bom Kira!! Só tome cuidado com os detalhes, uma vez que você chutou o korpoi mesmo estando com a perna machucada, além de que você não informou se chutou com a machucada ou não. Acho que esse foi o principal ;p, mas está muito bom xDD

ATUALIZADO.

Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ladrão que rouba ladrão... ▬ Missão one-post interna pra Kira
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Ladrão que rouba ladrão!
» • Ficha para Missões One-Post •
» • Ficha para Missões One-Post •
» • Ficha para Missões One-Post
» • Ficha para Missões One-Post Contínuas

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Tártaro :: Missões Canceladas/Concluídas-
Ir para: