InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Atenção deuses! Há um aviso no Staff Loungue para vocês, entrem e leiam.

Important: Seu avatar é registrado? Ainda não?! Evite levantes, corra aqui: [MENINOS | MENINAS].
EM REFORMA, AGUARDEM! Novidades virão, algo que já estava mais do que na hora, não acham?!

Compartilhe | 
 

 Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Administração SO
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos
avatar

Mensagens : 284
Data de inscrição : 23/04/2012
Idade : 19
Localização : Troninho Sagrado do Olimpo 'o'

Ficha do personagem
Vida:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 25 Abr 2012, 14:00

Relembrando a primeira mensagem :



Alto da Colina


Na parte mais inóspita de Long Island, a beira da estrada, encontra-se a colina Meio-Sangue. O acidente geográfico serve ao acampamento Meio-Sangue como uma perfeita camuflagem. No topo, avista-se o pinheiro de Thalia, onde repousa o Velocino de Ouro que administra as fronteiras mágicas do acampamento. Por esse motivo, a colina a grama da colina é sempre verde e a flora é sempre abundante. Do topo, obtêm-se a visão de toda a extensão do acampamento. Em certos momentos do dia, é possível ver os sátiros perseguindo ninfas por entre as árvores da colina, que se misturam à vegetação da floresta.


Template by Chuck
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://santuarioolimpiano.forumeiros.com

AutorMensagem
Zane H. Stuart
Filhos de Éolo
Filhos de Éolo
avatar

Mensagens : 2
Data de inscrição : 13/04/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Dom 28 Abr 2013, 16:31


A New Home...



Não sei se sou sortudo, azarado, ferrado, retardado ou o quê. Só sei que eu tinha que fugir de um monstro com meu amigo animal. Ou monstro. Não sei. Ai, é confuso. Tipo... Eu sou um semideus. Eu não sabia disso, sério. Falaram-me assim, do nada. Bem que minha mãe poderia ter dito antes; anos antes e não horas. Cara... Eu quero chorar, me jogar no chão. Dar uma de bebêzão porque isso frustrante. Ah, estou correndo de um carro desgovernado que quer me matar, com um monstro dentro, indo para um acampamento em Long Island. Segundo o meu amigo bode, estamos bem perto.

Bom, pelo menos é perto de Connecticut. Pegava balsa e tal e vinha. Ok, foco. Eu estava arfante, cansado, suado e minhas pernas doíam. Estava pensando quando eu iria tropeçar e me esborrachar no chão.

Cara, corre! Ela está se aproximando. Não quero virar Zane amassado. – Gritei recebendo um balido desesperado de Mike.

E o que eu estou fazendo? É difícil correr de um carro. E você continue correndo, estamos perto do acampamento. – Respondeu-me.

Perto quanto?

Não sou GPS. – Xiguei, reclamei e muito mais e continuamos a correr. Quase derretendo, avistamos um pinheiro grande, em uma colina. – Zane, ali, chegamos.

Ri dizendo para Mike apressar os passos, o bom é que a vantagem que tínhamos era um carro desgovernado que vinha em zigue-zague com uma dracaena dirigindo. Bastante engraçado isso. Claro que, no fim, chegamos à colina antes daquela coisa nos alcançar. Fomos falar com um cara com parte do corpo de cavalo. Ele explicou bastantes coisas, Mike mostrou-me o acampamento e, depois fui para o chalé de Hermes, onde eu ficaria até meu pai me reclamar... Se reclamasse.

... Paradise

Esse é meu post de número {01}. O tempo está {bom}, e estou usando {isso}, estou falando com {comigo}. Estou postando {Colina}. E agradeço a Lari ❥ por esse template.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kate Chase
Filhos de Athena
Filhos de Athena
avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 20
Localização : Algum lugar.

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Dom 28 Abr 2013, 17:49




"Imagine all the people living for today..."


Todos sempre me chamaram de esquisita e eu, por alguma razão sempre soube que não era como as outras pessoas, me sentia meio diferente, e, agora minhas teorias estavam comprovadas.
Em menos de um dia havia descoberto que não era uma mortal comum, eu era uma semi deusa, lutei contra monstros, descobri que meu melhor amigo tinha pernas de bode e que o único lugar seguro para gente como eu era um acampamento.
Segui o sátiro até uma colina e quando chegamos no topo da mesma, vi o acampamento, ele era impressionante, meu amigo me pediu para entrar logo antes que um monstro nos encontrasse o que não ajudou a me acalmar, adentrei no local e segui meu amigo bode.
Encontrei várias criaturas estranhas incluindo um centauro que me explicou o básico e pediu para que alguns campistas me mostrassem o acampamento, eu obviamente enchi os campistas de perguntas e eles respondiam de bom grado, eu vi chalés de vários deuses e a cada um que via ficava mais maravilhada, via sátiros correndo atrás de ninfas o que me fazia rir muito, conheci filhas de Afrodite que não gostaram muito do meu visual e se ofereceram para arrumar meu cabelo e eu fiquei tentando explicar que havia acabado de chegar e que estava fugindo de monstros e por isso estava tão desarrumada, depois que me despedi delas voltei a seguir os campistas que me mostravam o acampamento.
Depois de muito tempo andando os campistas me levaram até o chalé de Hermes, onde eu ficaria até que meu pai ou minha mãe me reclamasse.

Tagged: Everybody Wearing: This! Notes: None


Leveck @ CG


____

Kate Chase


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 17:23

Why is the world so unfair with the weird?


Alone...

Suspirei brevemente, enquanto dava mais um passo, antes de finalmente chegar ao topo da colina. O sol daquela tarde, escondido nas nuvens alvas, ainda conseguia iluminar fracamente o lugar. A grama mais verde, assim como as folhas do pinheiro eram representações do poder do velocino. Sentei-me embaixo da árvore mais próxima, recostando-me sobre o tronco da mesma.

Aquele lugar era um de meus locais favoritos no acampamento. Sozinho, ali eu podia ouvir o som que o vento fazia quando batia no cume das árvores mais altas. Também, era um dos únicos lugares livre de semideuses ou seres mágicos. Fechei meus olhos e respirei fundo, inalando o ar puro de Long Island enquanto podia...


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 17:42




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Estava querendo um dia, apenas um dia, eu ter uma paz. Paz de meus pesadelos, paz de ficar ouvindo as mesmas vozes sempre. Sai de meu chalé, usando uma jaqueta preta, uma camisa preta, calça jeans e all star, e óculos escuros. Era sempre como eu gostava de estar. Afinal, para quem ficava ouvindo e vendo fantasmas, ficar de óculos escuros era a melhor opção, pelo menos para mim. Enquanto caminhava, me deparava que aquilo ainda estava em minha mente, e cantarolei baixinho:

"Cut the cord. Are we human? Or are we dancer? My sign is vital, My hands are cold. And I'm on my knees, Looking for the answer. Are we human? Or are we dancer?"

Sorri rápido, e fitei a realidade. Estava andando totalmente perdida, perdida em meus pensamentos, perdida em tudo. Era uma droga ser novata. Olhei ao meu redor e me vi em uma colina. Era um local calmo, de ar puro. Continuei caminhando com os ventos balançando meus cabelos, e observei um garoto sentado embaixo de uma árvore. Caminhei até ele, nervosa, e disse:

-Com licença, posso ficar aqui? Sabe, é o único local que está calmo e tranquilo.



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 17:58

Why is the world so unfair with the weird?


Meeting new


demigods...

Uma voz suave e hesitante ecoou em meus ouvidos, quebrando o silêncio. Meus olhos se abriram, vasculhando o perímetro, até encontrar a garota de cabelos loiros e olhos marcantes. A pergunta da garota fois esquecida por um segundo, enquanto eu a examinava. A princípio, realmente pensei em mandá-la para o Hades. Mas, pensando melhor, percebi que se eu afastasse mais um campista, acabaria eternamente isolado. De algum jeito, aquilo não me parecia algo bom.

- Tanto faz... - Respondi, dando de ombros.

"Péssima resposta", pensei. Talvez devesse me desculpar, mas não o fiz. Apenas voltei meu olhar para o chão, fitando a grama. Num suspiro pesado, formulei uma apresentação menos hostil do que a frase anterior, dizendo:

- Me chamo Chuck. E você é?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 18:20




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Observei o garoto e senti um ar de incômodo vindo dele. Ele não ia me querer ali? Se ele não ia querer por que ele se apresentou? Recusei tirar os óculos escuros ainda. Não julguei necessário ele observar meus olhos enquanto eu conversava com ele. Evitei estender a mão e disse, de forma serena e calma:

-Me chamo Kaya, sou nova por aqui. É filho de quem? Dá pra sentir o submundo vindo de você, é filho de Melinoe, como eu?

E toquei meus óculos e hesitei. Eu deveria tirar o óculos agora? Era um movimento tentador, mas evitei tirar. As vozes ainda sussurravam em minha cabeça, e se eu ficasse sem óculos, ele iria perceber que eu estava incomodada com as vozes e ia começar questionários.



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 18:32

Why is the world so unfair with the weird?


Sunglasses...

Falar de minhas origens numa me agradava. Talvez por que não conhecesse nada sobre meu passado, ou por saber que vivi uma mentira durante 15 anos. Mesmo assim, respondi a garota do melhor jeito que pude.

- Infelizmente, sou de Hades.

Meu olhar deixou a grama, voltando-se para os dá garota. Só então, percebi os óculos escuros que impediam qualquer contato visual. Arqueei minhas sobrancelhas, ainda observando a garota. O fato de não poder ver seus olhos me incomodava. Os olhos, como dizem, são a porta de entrada da alma. E eu odiava não ter aquele controle sobre as emoções das pessoas. Assim, pigarreei, enquanto formulava um modo indireto de fazê-la tirar os óculos de sol.

- Não está tão ensolarado assim. - Sentei de forma mais confortável, enquanto continuava. - Por que não tira os óculos?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC



[/quote]

____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 18:42




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Suspirei ao ouvir sua pergunta. Todos faziam aquela pergunta, e eu nunca respondia, bom, as vezes, eu não gostava que soubessem que nos meus olhos estavam a melancolia? E agora ele perguntara. O que fazer Kaya? Contar a verdade? Respirei fundo, e decidi ocultar a verdade. Retirei os óculos, o observando com um olhar vazio e disse:

-Eu evito que olhem pros meus olhos. Eles são vazios, então, se tornam inexpressíveis e as pessoas, geralmente, se ofendem, achando que eu não estou nem ai pra elas.

O que era parcialmente verdade. Eu nunca gostei das pessoas, mas o que fazer? Continuar mentindo. Observei o garoto e disse:

-Um filho de Hades? É o primeiro que eu vejo por aqui. Pelo visto, não gosta da companhia das pessoas, certo?



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 18:55

Why is the world so unfair with the weird?


Strange things...

Fitei seus olhos inexpressivos por alguns instantes, tentando imaginar o que se escondia naquele subconsciente impenetrável. Será que havia um passado sombrio, ou mesmo um futuro nebuloso por trás daquele olhar duvidosamente indiferentes?

- Nem verá. Na verdade, sou o único filho de Hades reclamado até agora. - Respirei fundo, completando o pensamento. - O restante é composto apenas por garotas.

À distância, nuvens formavam desenhos no papel azul do céu. Comecei a observa-las, enquanto pensava no que Kaya dissera. Realmente, estar na companhia de outra pessoa era quase sempre desagradável para mim. Mas a necessidade de manter ao menos uma relação social, de vez em quando, não me era negada. Na verdade, acho que me manter longe das pessoas me ajudava a afastar meus instintos de defesa, que acabavam afastando-as mais ainda.

- Quase isso... Só um pouco mais complicado. - Pensei no que havia digo, enquanto soltava uma pergunta para a garota. - E você? O que faz por aqui, tão longe dos outros campistas?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:01




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Olhei para frente e arranquei um punhado de grama. As vozes em minha mente estavam mais altas, e eu estava já ficando irritada. O garoto me faz uma pergunta que eu vinha ouvindo há tempo que eu tinha sido aceita como filha de Melinoe. Olhei para ele e disse:

-Eu não gosto deles. Eles são muito felizes, ficam conversando, rindo. Isso me incomoda as vezes. E tem o problema das vozes comigo, é meio complicado.

Soltei um pouco a grama e disse:

-Como você disse, as vezes ficar na companhia de quem não gosta é irritante.



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:09

Why is the world so unfair with the weird?


Voices...

Continuava a fitar as nuvens no céu, pensando nas mais variadas coisas, inclusive no que ela me dizia. Não podia discordar do fato de que os semideuses daquele acampamento eram muito diferentes de nós. E eu sabia que aquilo podia representar não ser compreendido.

- Acho que somos bastante parecidos, Kaya. Eu entendo como é viver entre os alienados campistas.

Refleti um pouco sobre as vozes que ela dizia ouvir. Já havia conhecido outros filhos de Melinoe. O problema parecia se manifestar em pelo menos uma boa parte deles. Numa breve lembrança, recordei-me da primeira filha de Melinoe que pude conhecer. Por coincidência, naquele mesmo lugar.

- Como é... - Perguntei. - Ouvir vozes o tempo todo? E o que elas dizem?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:15




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Fechei os olhos ainda ouvindo as vozes, e ouvi sua pergunta. Sinceramente, dizer a verdade mais pura seria certa? Abri os olhos, e direcionei meu olhar ao dele.

-Ouvir vozes quase o tempo todo é irritante. As vezes confortador, quando se está sozinha. E elas sempre dizem. - Engoli em seco e fiz uma pausa. Falar disso para alguem era novidade pra mim. Observei ele e disse: -Mate-os, mate-os.

Engoli em seco de novo e tirei uma mecha dos cabelos do rosto e observei o céu, mantendo meu olhar inexpressivo.



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:26

Why is the world so unfair with the weird?


Ghosts...

Meu olhar se voltou para o dela. Seu olhar vazio ainda me penetrava, como uma adaga. Não saber o que ela pensava era o mais terrível de tudo. Mesmo assim, estreitei meu olhar, enquanto iniciava uma risada áspera e fria, como sempre.

- Bom. Isso deve significar alguma coisa. - Disse, juntando os joelhos e envolvendo minhas pernas com os braços. Saber que vozes sussurravam sobre o assunto favorito de meu pai não me surpreendia muito. Fantasmas são, geralmente, seres tão carregados de energia negativa, que coisa boa não poderia vir de seus sussurros. - Deve ser bastante. Imagino que, depois de tanto tempo, você já tenha se acostumado. Mas a julgar pelo modo hesitante com o qual me fala, parece que você não conversa muito sobre isso.

O sol apareceu, surgindo por entre as nuvens, enquanto o tempo passava durante nossa conversa. Seu brulho incidiu sobre a grama, dando-lhe uma nova coloração, a qual passei a observar, enquanto aguardava alguma resposta.


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC



[/quote]

____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:36




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Recuei um pouco ao ver o brilho do sol e suspirei dizendo:

-É complicado dizer "Ah, meu nome é Kaya, sou filha da Deusa dos fantasmas e ouço vozes que mandam eu matar a todos'.

Terminei dizendo em um tom de humor, apenas para não dar o ar ofensivo a ele e fiz uma franja descer pelos meus olhos, ouvindo as vozes diminuir e respiro fundo aliviada. Olhei para ele e disse:

-E como é ser filho de Hades?



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:49

Why is the world so unfair with the weird?


Ghosts...

Um filho de Hades nçao é nada fácil de explicar. Ainda mais quando se é um. Pensei rapidamente, antes de responder. O sol começou a ofuscar meus olhos, quando consegui pensar em uma resposta aceitável. Realmente, decidi ocultar partes pessoais, que só dizem respeito a mim mesmo, e respondi à pergunta.

- É difícil. Difícil porque estamos mais vivos do que as pessoas realmente gostariam que estivéssemos. Não me importo de ser constantemente ignorado pelas pessoas. Mas acaba se tornando incomodo. - Ri, antes de terminar. - Sem falar que Hades não é uma pessoa muito fácil de se lidar. Fora isso, é bom ter morte sempre ao nosso lado... Você já teve algum contato com Melinoe? Ou ela é tão negligente quanto meu pai?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 19:57




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Coloquei meus óculos escuros por causa do sol e me mantive na sombra que a árvore fazia. Era tão gratificante ficar em um local escuro. Observei o garoto e disse, ao ouvir sua pergunta:

-Nunca tive um contato com ela, ela é negligente como o seu pai. Mas, acho que assim as vezes é bom. Evita que nós, semideuses, sejamos atacados com frequência.

As vozes voltara com mais frequência ao ouvir o nome de minha mãe e sussurrei mentalmente um "calem-se", mas sentia que era inefetivo. Respirei fundo o ar dali e observei ele:

-Você tem problemas, digamos, como se relacionar com as pessoas?



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 20:05

Why is the world so unfair with the weird?


Ghosts...

Arqueei a sobrancelha, ouvindo a pergunta. Com a mão,cobri meu rosto, evitando a forte luz do sol. O calor aquecia meu corpo, naquela tarde. Sair no sol, às vezes, me fazia bem. Aquela não era uma das ocasiões.

- Digamos que eu não sou a pessoa mais sociável daqui. Na verdade, estar falando com você é um grande avanço. Acho que as pessoas ficam incomodadas com meu sarcasmo, e a ironia exagerada. Mas o que pensam as pessoas não me importa. - Terminei, arrancando um pouco de grama da colina.

O sol começou a esconder-se entre as nuvens lentamente, diminuindo o brilho sobre meu olhar, que me cegava aos poucos.


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaya Devonne Bonsieur
Filhos de Melinoe
Filhos de Melinoe
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/06/2013

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 20:12




Kaya Bonsieur


E se tudo que eu imaginei fosse realidade....

Buh, ghosts!
Olhei pro garoto que tinha o mesmo problema que o meu com a claridade, e também com a falta de contato com outros semideuses, isso era interessante. Fitei as nuvens e cantarolei baixinho a mesma música de antes, o trecho dela, sobre sermos humanos ou dançarinos, ficara na minha mente como um mantra. Toquei o ombro dele, e tirei os óculos, olhando diretamente pros seus olhos:

-Será que somos irmãos? Temos tanto em comum.

E dei uma leve risada, coisa que eu nunca tinha feito antes. Voltei a fitar a grama e disse:

-De fato, todos nós temos algo em comum, filhos de Melinoe, filhos de Hades, ou de qualquer outro Deus que ande no submundo. Porém, é contraditório que não nos damos bem com outros semideuses, apenas com outros submundanos. Deve ser por isso que nossa conversa está, pouquinho, caminhando.



thanks, baby doll @oops!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qua 05 Jun 2013, 20:21

Why is the world so unfair with the weird?


Ghosts...

Sorri, pensando no que a garota dissera. Acho que me sentia muito melhor estando com pessoas que compreendiam meus sentimentos, mesmo que estes fossem escassos e que raramente se manifestassem. Na verdade, me sentia bem estando com qualquer coisa ligada ao reino de meu pai, mesmo que odiasse o fato de ser filho do mesmo.

- Acho que você está certa.

Meu corpo pendeu para o lado, até eu cair sobre a grama. Meu corpo cansado de tanto lutar, às vezes pedia pelo relaxamento. E eu simplesmente atendia. Deitado sobre o tapete verde que cobria a terra, continuei a respondê-la.

- Estamos todos ligados ao submundo, mesmo sem querer. Por isso somos quase obrigados a interagir "amigavelmente". Isso não parece estranho? Um filho de Hades e uma filha de Melinoe, juntos, dividindo semelhanças?


:: Legenda ::
Chuck
Thoughts
Others
Actions


:: Observações ::
Vestindo: Calça Jeans Escura ♦ Tênis All-star ♦ Camisa branca
Feat.:
Local: CHB
Horário: Tarde
Clima: Ensolarado, com nuvens
Temperatura: 30ºC




____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Canet F. A. Hetzewell
Filhos de Éolo
Filhos de Éolo
avatar

Mensagens : 3
Data de inscrição : 14/10/2012
Idade : 18
Localização : Para sua sorte, longe.

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Sex 21 Jun 2013, 00:20





 


 Look at what we have here...

 

No meio da floresta Meio-Sangue, Canet havia encontrado uma árvore com folhas brancas. Era um fato subjetivo e aleatório, onde o discernimento se tornava de alguma forma oculto, já que por alguma razão, sempre que a garota observava as flores elas a faziam lembrar uns vinte anos atrás, a época antes do Cassino. Desde então, após encontra-la passara a permanecer ao seu lado, até que as flores começaram a cair.

A primeira foi no mês de Agosto, onde o verão estava no auge. Parecia o adverso das outras árvore, que justo naquela época cresciam e floresciam de forma sublime. Mas não ela, de alguma forma ela caia aos poucos. De alguma forma aquilo lhe fez se comparar com as pessoas do Acampamento – afinal, ela era outra época, como aquela árvore.

Tristemente, Canet foi assistindo cair cada uma delas, com melancolia. E finalmente chegou o dia onde apenas sobrara uma, pendendo perigosamente no topo de um tronco. Enquanto a esperava despencar, a filha de Éolo teve uma ideia melhor, que a ajudaria a aumentar sua vida ao menos para si mesma.

Então quando a flor finalmente caiu, ela guiou os seus ventos, direcionando-as com o vento. Canet não sabia qual caminho tomava, mas decidiu ascender a ele de qualquer forma. Com diversão, começou a segui-la, tomando cuidado para não esbarrar nas árvores no caminho. Perigosamente percebeu que a barreira mágica do Acampamento estava no trajeto, então ela o alterou.

Viu cada vez mais perto o Pinheiro de Thalia, onde o Velocino de Ouro era guardado, alimentando as forças do Acampamento. Com desgosto, viu a maldita flor prender num emaranhado de galhos. Ela aumentou a potência do vento, fazendo com que tudo ao redor soprasse com força. Quando ela finalmente se desprendou, percebeu que haviam dois semideuses ali. Não que ela se importasse com a presença deles, afinal a aparência de ambos era deplorável e a fazia lembrar das crianças que temiam. Apenas um olhar as fazia abaixar as cabeças, olharem para o outro lado, encomodadas e se afastarem. Aquela era a versão deles no novo século, o que lhe fez se impressionar do fato de não temer as outras pessoas. O medo era um sentimento ridículo.

De qualquer forma, ela continuou os ignorando e foi até a ponta da colina. Com um gesto rápido e delicado, ela orendou a flor nos seus dedos finos e longos. Ela cessou o vento e virou a cabeça para os semideuses que ali residiam. Um sorriso cruzou os seus lábios, misturando maldade e graça. Os olhos claro se estreitaram, e ela apenas desviou o olhar quando soltou a flor e cavou um buraco com o pé, enterrando-a ali.

 


 

 

 

 

____

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jaime. A. Lancaster
Filhos de Nêmesis
Filhos de Nêmesis
avatar

Mensagens : 6
Data de inscrição : 21/08/2013
Idade : 17
Localização : Acampamento Meio Sangue

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Qui 22 Ago 2013, 14:18

Finalmente Acampamento
Com: Sozinho; humor: Medo; vestindo;Jeans, Camisa azukl e tênis rasgado[url=A URL DO TEU LOOK AQUI] NOME DO TEU LOOK AQUI[/url] Thanks Maay; From TPO


.Meus pés doem, e posso sentir o maldito monstro me perseguindo. Piso no chão batido e penso em meu pai, sozinho em casa e como ele gostaria da paisagem que me cercava.
Paro um pouco, meus pés parecem que a qualquer hora irão se desgrudar de minhas pernas, ponho as mãos no joelho enquanto descanso minhas pernas, minha respiração está um tanto ofegante devido ao clima quente.
Olho em todas as direções em busca da criatura que me persegue, não a vejo em canto algum, a minha volta só vejo asfalta e grama. Saio do asfalto e passo caminhar nos canteiros. Ouço um barulho atrás de mim e me ponho à correr novamente, ao longe vejo um começo de mata e rapidamente a adentro. O clima muda bruscamente, o clima seco e quente de antes se torna agora agradavelmente úmido e refrescante.
Continuo a minha caminhada em meio aos pinheiros e árvores que eu nunca havia visto antes. Não ouço mais sequer um barulho do monstro, mas não me tranquilizo "Onde estou?" murmuro as palavras ininteligíveis. O desespero se aflora dentro de mim e começo a ficar nervoso, me ponho a correr novamente penso em meu pai e isso me da forças para continuar. Uma pedra no meio do caminho me faz tropeçar, caio e no mesmo instante sinto a dor lacinante em meu braço esquerdo. Me levanto e continuo a andar segurando o braço com a mão.
Minhas pernas estão extremamente doloridas, e meu tênis rasgado ao meio, olho para cima e um pingo de esperança nasce dentro de mim, avisto um pinheiro enorme, e por alguma causa desconhecida, a árvore me traz um sentimento de alívio inexplicável.
Enquanto estava distraído com a árvore, sinto a presença de alguém na campina, olho para trás e vejo a silhueta do monstro "Desgraçado, parece que conhece meu cheiro!" me escondo em uma das moitas, mas isso foi completamente ineficaz. O monstro farejava o ar com o seu nariz enorme e gosmento, vinha em minha direção, em direção ao meu cheiro, não tinha mais escapatória, meu coração estava à mil e com um movimento brusco, saí do meu esconderijo e fui em direção ao enorme pinheiro. Vi o monstro me perseguir, e continuei a correr, fui além do pinheiro e olhei para trás para ver meu inimigo, para minha surpresa ele se encontrava parado, como se houvesse uma espécie de campo de força que se localizava após o pinheiro.
Não pude evitar o sorriso, olhei para baixo e fiquei admirado com a paisagem do, no que dizia a entrada "Acampamento Meio Sangue".



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
July Benson
Filhos de Athena
Filhos de Athena
avatar

Mensagens : 4
Data de inscrição : 08/10/2013
Idade : 18
Localização : New Jersey

Ficha do personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Seg 14 Out 2013, 16:16


Minha nova casa
A nova casa que eu já não gostei!!!!
Chegando naquela colina eu estava exalta,não tinha animo para nada mais minhas pernas estavam meio que bamboleando,não aquentava nem minha própria bolsa e eu nem estava no topo mais estava quase lá.Quando se repente ouvi um barulho esquisito começou a rondar meu ouvido eu tinha certeza que não era uma musica,fazia meus ouvidos doerem.
E eu olhava para os lados, mas não vi nada não sabia da onde vinha aquele barulho horrível,tampei meus ouvidos com minhas mãos e continuei andando,a mão no meu ouvido só serviu para amenizar o barulho,por que ele continuava lá me perturbando,minutos depois o barulho parou, tirei minhas mãos do ouvido olhei a redor e estava a mesma coisa um pasto com a grama bem verde.Comecei a andar novamente desta vez mais desconfiada e amedrontada,meus olhos estavam arregalados igual há de uma coruja e eu nem estava entendendo direito o por que de meu pai me mandar para aquele lugar,e aquela historia de eu ser um semideus e minha mãe ser Athena e não aquela que está minha casa era totalmente ridículo,essa historia de mitologia grega são lendas e todos sabem que lendas não existem.
O calor estava insuportável e eu mal sabia por que foi cair no joguinho do meu pai e nem porque eu tinha ido para aquele lugar esquisito que eu nem conhecia,quando eu chegasse em casa eu mataria o meu pai,fui pensando nisso o tempo todo,até chegar ao topo que havia uma florestinha bem sinistra,eu foi nessa hora que eu dei um basta eu não iria entrar naquela floresta estranha,então dei meia volta e me deparei com um tipo de monstro vindo corendo na minha direção,a única coisa que eu tinha para me proteger era correr para dentro da floresta,entrei dentro da florestinha e corri mais que pude,algumas vezes olhava para trás e via o monstro correndo atrás de mim,fiquei totalmente aterrorizada oque esse monstro estava querendo comigo e além do mais eu só devia estar maluca e estar tendo alucinações bem loucas,mas talvez não então não parei de correr até chegar a um portão um pouco que estranho,olhei  e li as letras que estavam lá em cima no letreiro em voz alta:Acampamento Meio Sangue!!!Estanhei muito não parecia um nome adequado para um acampamento,mas já que eu já estava toda ferrada mesmo entrei.Quando entrei não vi mais o monstro fiquei confusa mais continuei a entrar.
 

notes: algo a dizer? ; tags: com quem hablas? ; vestindo:Camiseta Branca com um ônibus amarelo desenhado,calça  jeans preta,all star e com uma boina vermelha isso; Thanks Maay From TPO.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Neuhaus
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 84
Data de inscrição : 19/07/2012
Localização : Pelo mundo.

Ficha do personagem
Vida:
60/118  (60/118)
Energia:
60/118  (60/118)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Ter 10 Jun 2014, 13:48

D I A B O M
Bom dia — sussurrei após um belo bocejo.
Levantei da cama naquela manhã sem muitas tarefas a cumprir, aliás, na verdade, não acordei com vontade de fazer alguma coisa. Era como se Morfeu estivesse se alojado em mim de uma forma bem poderosa.
Uma brisa gélida e aconchegante entrava pela janela meio aberta do chalé de Quione, tive vontade de voltar a dormir, mas o desejo de dar um 'passeiozinho' venceu.
Depois de um bom banho e de ter colocado o look ideal, acompanhado de um coturno preto, bati as portas atrás de mim e caminhei em direção ao Alto da Colina. Eu, meu celular e meu fone. Ao som de Arctic Monkeys, R U MINE.
Chegando ao topo da colina, dei mais alguns passos e recostei meu corpo no pinheiro de Thalia, sentando na posição borboleta. Pronto, era tudo o que eu queria. Tranquilidade, frio, boas músicas e alguém... pena que esse alguém ainda não existia.
Como assim alguém Aidan? — perguntei a mim mesmo, sem entender de onde surgira aquele pensamento.
Ah, claro. Naquele momento tocava Moss - I Apologise, essa música fez parte da trilha sonora de Garotos, filme gay holandês que mexeu um pouquinho com meu consciente e certamente acendeu um pequena chama dentro de mim a fim de que eu me apaixonasse. Mas foi apagada assim que pus I Wanna Be Yours pra tocar.


Última edição por Aidan Walker Löhnhoff em Ter 10 Jun 2014, 16:12, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chuck B. Heineken
Filhos de Hades
Filhos de Hades
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 20
Localização : Everywhere.

Ficha do personagem
Vida:
299/317  (299/317)
Energia:
302/317  (302/317)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Ter 10 Jun 2014, 14:57




Meeting
The Frozen Boy...
ChuckThoughtsOthers

O
s olhos seguiram a colina em direção ao céu. O garoto suspirou e desviou o olhar. A subida não seria nada fácil. E as dores pelo corpo provocadas pelas batalhas não facilitariam. Simplesmente pôs um pé à frente do outro e assim seguiu, escalando lentamente a única entrada para o acampamento Meio-Sangue. Vestia calça jeans, tênis pretos e um suéter verde um tanto destruído pelos golpes que sofreu. Na verdade, preferia não pensar neles. É que pensar dói e ele já estava cansado da dor.

A subida árdua teve seu fim quando o semideus apenas quando ele chegou ao todo da colina. Só então ele pode notar a estranha figura debruçada sobre o pinheiro de Thalia. Inclinou a cabeça, examinando o que acontecia ali. Depois disso, mancando, o filho de Hades finalmente aproximou-se dele.

– Aidan? – Sussurrou, fitando o rapaz por alguns instantes. Arqueou a sobrancelha e em seu rosto surgiu uma expressão confusa, enquanto ele tentava se lembrar de como conhecera o filho de Quione.


~Chuck

____

.COULDN'T SAVE MY IMMORAL SOUL, WELL
.I'VE GOT NOTHING LEFT TO LOSE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Neuhaus
Filhos de Quione
Filhos de Quione
avatar

Mensagens : 84
Data de inscrição : 19/07/2012
Localização : Pelo mundo.

Ficha do personagem
Vida:
60/118  (60/118)
Energia:
60/118  (60/118)
Arsenal Arsenal:

MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   Ter 10 Jun 2014, 16:09

R E E N C O N T R O
Imaginei ficar só por todo o restante do dia, mas não foi o que aconteceu. Sendo uma boa companhia, ótimo, caso contrário, eu surtaria. Sério.
Tirei o fone dos ouvidos, coloquei-o na coxa e fitei o menino enquanto se aproximava. No dia que o conheci, não foi uma das melhores apresentações. Ele ainda me deixou falando sozinho, não imaginei encontra-lo novamente. Achei ele “legal”, sua fantasia dark, não fosse pelo jeito que me tratou, aliás, usou... Enfim, assistindo aquela cena de aproximação, não perdi a oportunidade de insultá-lo.
Hey, não é o carinha pegador que usou minha mão pra esfriar a própria bebida? — perguntei e logo em seguida parei de sorrir. — Mais alguma coisa, senhor? — Levantei a mão direita em sua direção e fumaça fria exalou da mesma.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Alto da Colina ▬ O Pinheiro de Thalia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Local Público: Pinheiro de Thalia
» pinheiro de thalia
» A Colina ♠Local Público Oficial♠
» Façam justiça, façam vingança (Missão para Thalia Grace e Annabeth Chase)
» Teste dos 3 grandes| Leonardo, Thalia, Dite, Rob.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Acampamento Meio-Sangue :: Colina do Acampamento :: Pinheiro de Thalia-
Ir para: